Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, quinta-feira, 01 de setembro de 2016. Atualizado às 00h08.

Jornal do Comércio

Esportes

COMENTAR | CORRIGIR

ELIMINATÓRIAS da copa

Notícia da edição impressa de 01/09/2016. Alterada em 31/08 às 23h27min

Tite faz sua estreia no comando da seleção

Técnico fez mistério e fechou treino na capital equatoriana

Técnico fez mistério e fechou treino na capital equatoriana


RODRIGO BUENDIA/AFP/JC
Talvez a conquista do ouro olímpico traga novos ares para o Brasil. O time não é o mesmo, mas sete atletas que disputaram as Olimpíadas no Rio de Janeiro estão a serviço de Tite. Aliás, a partida de hoje, às 18h, contra o Equador, marca a estreia do treinador no comando da seleção brasileira. E a tarefa não é pouca: recolocar o Brasil de volta no grupo dos classificados à Copa do Mundo de 2018 e não ficar marcado na história como o técnico que não classificou o País a um Mundial.
Para isso, o treinador fechou o penúltimo trabalho no estádio Casablanca, da LDU, em Quito. Além de superar a altitude tão temida por todos que enfrentam o Equador, Tite tentou fazer mistério para que o adversário não saiba a escalação de seu primeiro time, mas fez questão de explicar que o procedimento foi tomado em caráter de exceção.
A principal dúvida na formação é em relação a quem será o atacante no esquema 4-1-4-1: Gabriel Jesus ou Gabigol. Uma das táticas de Tite será utilizar a experiência entre os atletas convocados. A tendência é de que o Brasil entre em campo com Alisson; Daniel Alves, Gil, Miranda e Marcelo; Casemiro; Paulinho, Renato Augusto, Willian e Neymar; Gabriel Jesus (Gabigol).
A principal ideia do treinador é que os jogadores busquem triangulações pelas pontas e infiltrações com Paulinho e Renato Augusto aparecendo de trás, surpreendendo a marcação adversária. Ontem, a seleção fez um trabalho de reconhecimento do gramado do estádio olímpico Atahualpa, no mesmo horário do confronto.
Brasileiros e equatorianos se enfrentam, pela sétima rodada das eliminatórias para a Copa. Os donos da casa estão na segunda colocação, com 13 pontos, enquanto o Brasil ocupa a sexta posição, com nove.
COMENTAR | CORRIGIR
Comentários
Seja o primeiro a comentar esta notícia