Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, terça-feira, 23 de agosto de 2016. Atualizado às 18h40.

Jornal do Comércio

Esportes

COMENTAR | CORRIGIR

liga dos campeões

Alterada em 23/08 às 18h46min

Felipe se redime com gol, Porto faz 3 a 0 na Roma e vai à fase de grupos da Liga

Equipe portuguesa avança a próxima fase da competição

Equipe portuguesa avança a próxima fase da competição


FILIPPO MONTEFORTE/AFP/JC
O zagueiro Felipe, ex-Corinthians, se redimiu e abriu o caminho da classificação do Porto nesta terça-feira, no jogo de volta dos playoffs da Liga dos Campeões. Em pleno Estádio Olímpico, na capital italiana, ele marcou o primeiro gol da vitória por 3 a 0 sobre a Roma e garantiu o time português na fase de grupos da competição.
No jogo de ida, que terminou em empate por 1 a 1, Felipe havia feito um gol contra. Desta vez, o defensor conseguiu apagar a falha logo aos oito minutos de partida. Após cruzamento do brasileiro Otávio, ex-Internacional, ele apareceu na segunda trave para cabecear para as redes.
A Roma acordou para a partida e passou a pressionar os visitantes, obrigando o goleiro Casillas a fazer grandes defesas. A dificuldade em empatar a partida deixou a equipe anfitriã nervosa e dois jogadores acabaram expulsos. De Rossi recebeu o vermelho ainda no primeiro tempo e o lateral-esquerdo brasileiro Emerson Palmieri, ex-Santos, também deixou o campo. Ambos foram excluídos do confronto por causa de entradas duras em adversários.
O Porto aproveitou a vantagem numérica e conseguiu ampliar a vantagem em dois contra-ataques. Aos 28 minutos da etapa final, o mexicano Héctor Herrera lançou o compatriota Layún, que driblou o goleiro adversário e mandou para as redes. Dois minutos depois, foi a vez de o mexicano Jesús Corona bater na entrada da área e confirmar a classificação portuguesa.
OUTROS JOGOS - O Monaco venceu o Villarreal por 1 a 0, em casa, e também se garantiu na fase de grupos da Liga dos Campeões. O brasileiro Fabinho marcou o gol da vitória contra a equipe do atacante Alexandre Pato, que esteve em campo nos 90 minutos.
Já o Hapoel, de Israel, derrotou o Celtic por 2 a 0, em casa, mas o resultado foi insuficiente para avançar na competição. Como os ingleses venceram a primeira partida por 5 a 2, seguem vivos na Liga dos Campeões.
O Ludogorets conseguiu segurar um empate por 2 a 2 com o Viktoria Plzen, fora de casa, e passou à fase de grupos. Depois de vencer o primeiro jogo por 2 a 0 em seus domínios, o time búlgaro buscou por duas vezes a igualdade.
O Legia Varsóvia ficou no 1 a 1 com o irlandês Dundalk, em casa, e também se classificou, pois havia vencido por 2 a 0 no duelo. Mais cinco jogos dos playoffs acontecem nesta quarta-feira. Após a definição de todos os classificados, haverá o sorteio da fase de grupos na quinta-feira, em Mônaco.
COMENTAR | CORRIGIR
Comentários
Seja o primeiro a comentar esta notícia