Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, quarta-feira, 10 de agosto de 2016. Atualizado às 02h40.

Jornal do Comércio

Economia

COMENTAR | CORRIGIR
Notícia da edição impressa de 10/08/2016. Alterada em 10/08 às 02h38min

Inadimplência do consumidor cresce 4,9% em julho ante junho

A inadimplência do consumidor subiu 4,9% em julho ante junho, segundo dados dessazonalizados divulgados pela Boa Vista SCPC. Na comparação com julho do ano passado, houve baixa de 4,3%. Já nos sete primeiros meses do ano, a alta é de 2,5%. Na variação mensal, o maior aumento na inadimplência foi registrado no Nordeste ( 11,9%), seguido do Norte ( 6,8%), Sudeste ( 4,5%) e Centro-Oeste ( 2%). A única queda foi no Sul (-1,1%).
Segundo a Serasa, a deterioração do mercado de trabalho e a inflação em patamares elevados têm contribuído para a piora do orçamento das famílias, aumentando o fluxo de inadimplência. "Entretanto, a cautela do consumidor, a fraca atividade econômica e a respectiva diminuição do endividamento das famílias têm agido de modo a compensar esta elevação da inadimplência, resultando em um nível praticamente estável na tendência do indicador (valores acumulados em 12 meses)", diz a empresa em relatório.
CONTINUE LENDO ESTA NOTÍCIA EM NOSSA EDIÇÃO PARA FOLHEAR
CLIQUE AQUI PARA ACESSAR
COMENTAR | CORRIGIR
Comentários
Seja o primeiro a comentar esta notícia