Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, quarta-feira, 31 de agosto de 2016. Atualizado às 13h29.

Jornal do Comércio

Colunas

COMENTAR | CORRIGIR
Roberto Brenol Andrade

Palavra do Leitor

Notícia da edição impressa de 31/08/2016. Alterada em 30/08 às 20h49min

Orla do Guaíba

Espero que o prefeito de Porto Alegre, José Fortunati (PDT), cumpra a sua promessa e entregue a primeira parte da revitalização da orla do Guaíba até o final do ano. O local merece um projeto como o que foi apresentado. E temos que terminar com as obras que estão sendo feitas logo. A cidade não aguenta tantos problemas. (Manoel de Quadros, Porto Alegre)
EPTC
Quando o Código de Trânsito retirou das polícias militares dos estados o dever de fiscalizar o trânsito e transferiu essa missão para as cidades, esperava-se que a fiscalização aumentasse e que o trânsito melhorasse. Em Porto Alegre, criou-se a EPTC, com o objetivo de normatizar e fiscalizar o trânsito na cidade. No entanto, pouco se vê os fiscais da EPTC em ação, salvo quando das esporádicas operações da Balada Segura que conta com a iniciativa e apoio do Detran e da Brigada Militar, ou quando já ocorreu o acidente e vão até o local sinalizar a área. Enquanto a EPTC não cumpre seu dever, o trânsito de Porto Alegre está tomado por motoristas e pedestres mal-educados, que não respeitam sinais e leis pela certeza de que não serão penalizados, pois sabem que a fiscalização é zero. Se andarmos pelo Centro, veremos de tudo, desde carros e motos sobre as calçadas, veículos avançando o sinal, retornos e manobras perigosas e pedestres que atravessam a rua em qualquer lugar. O mais comum são os veículos parados onde é proibido estacionar. (Èrik Ultrecht, administrador de empresas)
Rachas
A Brigada Militar fez ação contra rachas de veículos na Zona Norte de Porto Alegre. Este é o resultado do lixo cinematográfico que vem dos Estados Unidos para o Brasil. Depois de "Velozes e furiosos" - cujo ator principal em um dos filmes da franquia morreu em acidente de carro, igual a James Dean -, as loucuras dos jovens se tornaram frequentes no Brasil. Não dava para selecionar melhor os filmes que vêm de Hollywood? (Luiza Maria Carlai, Porto Alegre)
Futebol
Um jogo do Grêmio na Arena, domingo, às 11h, teve em torno de 50 mil espectadores, na partida contra o Corinthians. Acredito que foi a primeira vez em que o estádio do Tricolor na Zona Norte esteve lotado. Parabéns à direção gremista. (João Carlos Resende, Porto Alegre)
Internet
Impressionante o que colocam (postam, segundo os entendidos) de besteiras na internet. E isso ocorre também nas páginas de provedores, segundo as quais a gente fica sabendo que fulano de tal (geralmente ator de TV) foi visto no supermercado fazendo compras! E eu - e a maioria das pessoas - com isso? Vamos ter mais senso crítico e publicar o que interessa, com menos publicidade? (Martha da Silva, Porto Alegre)
COMENTAR | CORRIGIR
Comentários
Dorian R. Bueno 31/08/2016 11h25min
FORÇA NACIONAL PARA AJUDAR O INTERNACIONAL !!!nnJá que a S.W.A.T do INTERNACIONAL ainda não conseguiu fazer os jogadores corresponder dentro do campo, acredito que mesmo com a FORÇA NACIONAL a rotina de pouco futebol, assaltos, mortes e tristezas não irá acabar de hoje para amanhã.nnConfesso que não sei quais serão as estratégias que a Força Nacional juntamente com a Brigada Militar, poderão usar para combater na origem a marginalidade que afronta as pessoas e a própria polícia todos os dias, e muito menos as dos nossos estrategistas Piffero, Fernando e Roth.nnFinalizando esta pauta mista para unir forças para o nosso querido e triste COLORADO, quem sabe hoje pela Copa do Brasil, o Roth consiga junto com os jogadores, encontrar o futebol que desapareceu dentro do campo, mesmo que seja contra o grande Fortaleza.nnSenhor bandido, assaltante, por favor, devolva-nos o FUTEBOL do nosso INTERNACIONAL.nnQue DEUS nos ABENÇOE, AMÉM.nnAbs. Dorian Bueno Google +, POA, 31.08.2016