Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, quarta-feira, 10 de agosto de 2016. Atualizado às 02h50.

Jornal do Comércio

Colunas

COMENTAR | CORRIGIR
Roberto Brenol Andrade

Palavra do Leitor

Notícia da edição impressa de 10/08/2016. Alterada em 09/08 às 20h07min

Faróis acessos

No período que permeou a promulgação e a vigência da lei que obrigou o uso de faróis acesos durante o dia nas rodovias (conhecido no meio jurídico por "vacatio legis" e que foi, no caso, de 45 dias), bem que os órgãos rodoviários de trânsito (Dnit e similares nos estados) poderiam ter tomado a iniciativa de encomendar e implantar sinalização indicativa (placas) orientando os usuários. Nas minhas recentes andanças pelas BRs 392, 471 e 293 e na ERS-471, só vi duas placas nesse sentido e nesta última. Trânsito não é só autuar, é também educar... (Rogério Brodbeck)
Cargos e salários
É grande a gritaria do funcionalismo público, para se manterem nos milhares de cargos e receberem vencimentos e vantagens em dia. A grande maioria que efetivamente trabalha, produz e dá atendimento às necessidades da população, tem direitos e necessidade de receber para pagar seus compromissos. Mas também é verdade que têm muitos funcionários que incharam a folha salarial, ganharam vantagens e benefícios e até aposentadorias precoces e/ou pensões vitalícias, que nada ou pouco produziram. O que está acontecendo no Rio Grande do Sul e Brasil, já aconteceu na Grécia, Portugal e outros países que utilizavam as benesses de aposentadorias especiais aos 45 anos (25 anos de contratos de trabalho, ou até menos). Não há capitalismo e democracia que sustentem tal situação. (Ramiro Nunes de Almeida Filho, representante comercial, Porto Alegre)
Jogos Olímpicos
Fiquei muito feliz com a apresentação dos Jogos Olímpicos no Rio de Janeiro. Foi uma abertura espetacular, unindo algo bem brasileiro com nossas raízes, música e folclore. Parabéns aos organizadores. Só faltou enaltecer mais a gente italiana e alemã, que veio para o Brasil ainda antes dos japoneses, homenageados na bela festa. Merecidamente, claro. (Neusa Failace, Caxias do Sul/RS)
Jogos Olímpicos II
Foi mesmo um espetáculo bem brasileiro a abertura dos Jogos Olímpicos no Rio de Janeiro, a Rio 2016. Os mesmos jornais e redes de TVs dos Estados Unidos e da Europa que antes debochavam do Brasil e diziam que se a Olimpíada fosse uma calamidade seria melhor que o caos que anunciavam, tiveram que elogiar a apresentação para bilhões de pessoas no mundo. Prova de que, quando nos organizamos e pensamos com boa gestão, sabemos fazer algo maravilhoso como a Rio 2016 no Maracanã. (Julieta Severo Ramos, Canoas/RS)
Faixas
Reclamaram do recolhimento de faixas com viés ideológico nos Jogos Olímpicos. Agora, sabe-se que isso é lei antiga, dos governos do PT. Mas a culpa é do "Temer usurpador". (Maria do Carmo Netaniel, Porto Alegre)
COMENTAR | CORRIGIR
Comentários
Seja o primeiro a comentar esta notícia