Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, segunda-feira, 18 de julho de 2016. Atualizado às 22h27.

Jornal do Comércio

Política

COMENTAR | CORRIGIR

Câmara dos Deputados

Notícia da edição impressa de 19/07/2016. Alterada em 18/07 às 21h25min

Cunha deixa residência oficial no fim da semana

 Outro benefício perdido por Eduardo Cunha foi o uso de seguranças

Outro benefício perdido por Eduardo Cunha foi o uso de seguranças


LUIS MACEDO/CÂMARA DOS DEPUTADOS/JC
Ex-presidente da Câmara, Eduardo Cunha (PMDB-RJ) deve deixar a residência oficial da presidência da Casa, em Brasília, neste fim de semana. Ele entrou em contato com a Diretoria Geral da Câmara na sexta-feira passada - um dia depois de o deputado Rodrigo Maia (DEM-RJ) ser eleito para sucedê-lo - e sinalizou que vai desocupar a casa até o fim desta semana.
Cunha renunciou ao mandato de presidente da Câmara no dia 7 de julho. De acordo com a Diretoria Geral, ele tem 30 dias, até 7 de agosto, para desocupar a residência oficial, mas deve desocupar o imóvel bem antes do prazo.
CONTINUE LENDO ESTA NOTÍCIA EM NOSSA EDIÇÃO PARA FOLHEAR
CLIQUE AQUI PARA ACESSAR
COMENTAR | CORRIGIR
Comentários
Seja o primeiro a comentar esta notícia