Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, segunda-feira, 18 de julho de 2016. Atualizado às 22h26.

Jornal do Comércio

Opinião

COMENTAR | CORRIGIR

Artigo

Notícia da edição impressa de 19/07/2016. Alterada em 18/07 às 19h39min

Educação e Olimpíadas

Juliana Brizola
A prática esportiva como instrumento pedagógico incentiva jovens de todas as idades e influencia o desenvolvimento integral das crianças, uma vez que os coloca frente a frente com situações fundamentais para o seu desenvolvimento social e individual. Em tempos de Olimpíadas, acredito, cada vez mais, que nossos jovens têm potencial para se tornarem futuros Paulões do vôlei, Daianes da ginástica ou judocas como Felipe Kitadai. Mas para que isso saia do idealismo, nossas crianças precisam ser incentivadas e motivadas para tal. Em um País pobre onde pouco se vê subsídio para o esporte e o sonho de quase todo menino é ser jogador de futebol, creio existir uma carência real de espaços para a prática nas escolas.
Logo, minha maior luta no Legislativo é implementar o Tempo Integral nas escolas do nosso Rio Grande. Porém, para que isso ocorra, a escola precisa atender a requisitos como possuir uma quadra poliesportiva. Todos os dias recebo demandas em meu gabinete de escolas do Rio Grande do Sul solicitando reformas físicas mínimas para atender os alunos integralmente. Embora o Poder Legislativo seja limitado e nós, deputados, dependemos do Executivo para colocar em prática nosso trabalho, me mantenho firme na busca da qualificação do ensino público. Frente a isso, solicitei ao governo do Estado, através de oficio entregue ao secretário de Educação, Luiz Antônio Alcoba de Freitas, reformas para suprir as necessidades destas escolas.
Já que estamos neste período de investimento nas Olimpíadas, me desperta ainda mais a vontade de investir naquilo que temos de mais valioso: nossos jovens. É preciso incentivá-los dando opções e possibilidades para que possam se destacar nesta área em que nosso País é tão carente. O tempo integral, aliado ao esporte, amplia o campo experimental, traz disciplina, estimula e oferece chances reais de integração social. Dentro da quadra, todos somos iguais.
Deputada estadual (PDT)
COMENTAR | CORRIGIR
Comentários
Seja o primeiro a comentar esta notícia