Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, domingo, 17 de julho de 2016. Atualizado às 18h21.

Jornal do Comércio

Esportes

COMENTAR | CORRIGIR

campeonato brasileiro

17/07/2016 - 18h21min. Alterada em 17/07 às 18h21min

Em duelo catarinense, Figueirense e Chapecoense empatam em Florianópolis

Figueirense e Chapecoense empataram em 1 a 1 no Orlando Scarpelli, em Florianópolis, neste domingo (17), em jogo válido pela 15ª rodada do Campeonato Brasileiro. O gol do time da casa foi marcado de pênalti, por Rafael Moura. Dener Assunção igualou para os visitantes. Com o resultado, o Figueirense chegou aos 16 pontos, ameaçado de rebaixamento. A Chapecoense chegou aos 19 e ocupa o 13º lugar no Brasileirão.
Apesar do time da casa ter vantagem na posse de bola nos primeiros 15 minutos de jogo, com 62%, foram os visitantes que quase abriram o placar com o chute de Cleber Santana, que exigiu boa defesa de Thiago Rodrigues.
O Figueirense respondeu aos 21 minutos, em bola levantada na área. O goleiro Marcelo Boeck saiu mal do gol e Rafael Moura se antecipou, testou colocado, mas a bola passou por cima da meta.
A primeira etapa se encaminhava para o fim quando O zagueiro Filipe Melo tocou com a mão na bola, em disputa no alto com Bruno Alves, aos 45 minutos. Pênalti assinalado por Sandro Meira Ricci que Rafael Moura converteu em gol.
O segundo tempo demorou a engrenar e a torcida só levantou aos 18 minutos, em cobrança de escanteio dos visitantes. Kempes cabeceou e depois do bate e rebate Ananias pegou a sobra e mandou para fora.
Mas o alívio durou até os 25 minutos. A Chapecoense chegou com Lucas Gomes pela direita. O atacante deixou Marquinhos Pedroso pra trás, foi até a linha de fundo e cruzou para trás. A bola foi encontrar Dener Assunção, que estufou as redes de primeira.
O Figueirense quase chegou ao segundo, aos 31 minutos. Rafael Silva girou dentro da área e bateu forte, acertando o travessão de Boeck. A Chapecoense teria a sua melhor chance de virar o placar três minutos depois, com Lucas Gomes. O atacante teve duas chances, de frente para o gol, mas desperdiçou.
Na próxima rodada, o Figueirense joga contra o Corinthians, no sábado, a partir das 16 horas, no Itaquerão. A Chapecoense será adversária do Botafogo, na Arena Condá, às 16h do próximo domingo.
COMENTAR | CORRIGIR
Comentários
Seja o primeiro a comentar esta notícia