Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, quinta-feira, 28 de julho de 2016. Atualizado às 00h24.

Jornal do Comércio

Economia

COMENTAR | CORRIGIR

Mercado de Capitais

Notícia da edição impressa de 28/07/2016. Alterada em 28/07 às 00h23min

Fed afirma que riscos diminuíram

O Federal Reserve (Fed, o banco central dos EUA) indicou, nesta quarta-feira, que o mercado de trabalho melhorou e que a atividade econômica vem se expandindo a uma taxa moderada. "Os ganhos de emprego foram fortes em junho após um crescimento fraco em maio. Em equilíbrio, as folhas de pagamento e outros indicadores do mercado de trabalho apontam para algum aumento na utilização do trabalho nos últimos meses", destacou o Fed em comunicado. Enquanto isso, o Fed disse que os riscos de curto prazo para as perspectivas econômicas têm diminuído.
O Fed anunciou ontem que manteve a taxa dos fed funds na faixa de 0,25% a 0,50% e a taxa de redesconto em 1,00%, em uma decisão em linha com as expectativas. Uma dirigente, Esther George, votou por uma elevação na taxa, no único voto contrário à decisão da maioria.
CONTINUE LENDO ESTA NOTÍCIA EM NOSSA EDIÇÃO PARA FOLHEAR
CLIQUE AQUI PARA ACESSAR
COMENTAR | CORRIGIR
Comentários
Seja o primeiro a comentar esta notícia