Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, sexta-feira, 01 de julho de 2016. Atualizado às 21h47.

Jornal do Comércio

Economia

COMENTAR | CORRIGIR

conjuntura internacional

01/07/2016 - 21h47min. Alterada em 01/07 às 21h47min

EUA: Vendas de veículos aceleram em junho, após maio decepcionante

O ritmo de vendas de veículos nos Estados Unidos acelerou em junho, após maio mostrar um resultado decepcionante. No acumulado do semestre, as vendas registraram recorde de 8,6 milhões, superando o resultado do mesmo período do ano passado, de 8,5 milhões.
O mês de junho viu as vendas subirem 2,5%, para mais de 1,5 milhão. Ford, Honda, Fiat Chrysler, Hyundai, Subaru e Nissan reportaram ganhos para o mês. Apenas General Motors, Toyota e Volkswagen tiveram queda.
Depois de seis anos seguidos de crescimento e vendas recorde de 17,5 milhões no ano passado, o mercado de automóveis dos EUA está começando a arrefecer. Nos primeiros seis meses de 2015, por exemplo, as vendas subiram 4%, mais do que o dobro do ritmo deste ano, mas os preços baixos da gasolina e as taxas de juros baixas devem mantê-las num nível alto.
"Enquanto as condições econômicas continuarem, a indústria estará numa posição fortalecida", afirmou Jessica Caldwell, diretora de análise do setor do site de vendas de carros Edmunds.com.
As vendas da Volkswagen apresentaram a maior queda entre as montadoras, com recuo de 22% devido ao escândalo relacionado às emissões de poluentes. As vendas da General Motors caíram 2% e as da Toyota 6%.
COMENTAR | CORRIGIR
Comentários
Seja o primeiro a comentar esta notícia