Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, terça-feira, 21 de junho de 2016. Atualizado às 14h37.

Jornal do Comércio

Política

COMENTAR | CORRIGIR

Crise Política

21/06/2016 - 14h37min. Alterada em 21/06 às 14h37min

Após 1 hora de atraso, comissão do impeachment inicia sessão com testemunhas

Com uma hora de atraso, os senadores deram início à sessão desta terça-feira (21) da Comissão Especial do Impeachment. O colegiado continua a ouvir testemunhas da defesa. A reunião atrasou porque o presidente do colegiado, Raimundo Lira (PMDB-PB), estava presidindo a Comissão de Assuntos Econômicos (CAE), que analisava os projetos de reajuste do Judiciário e do Ministério Público da União (MPU).
Nesta terça-feira (21) o primeiro convidado a ser ouvido é o ex-ministro da Secretaria de Direitos Humanos, deputado Pepe Vargas. Depois, devem ser ouvidos a ex-ministra do Planejamento, Orçamento e Gestão e ex-presidente da Caixa Econômica Federal Miriam Belchior, o ex-subsecretário de Planejamento e Orçamento do Ministério da Justiça, Orlando Magalhães da Cunha, e o coordenador de Orçamento e Finanças do Ministério da Justiça, Marcelo Minghelli.
COMENTAR | CORRIGIR
Comentários
Seja o primeiro a comentar esta notícia