Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, domingo, 19 de junho de 2016. Atualizado às 22h17.

Jornal do Comércio

Internacional

COMENTAR | CORRIGIR

Acidente

Notícia da edição impressa de 20/06/2016. Alterada em 19/06 às 22h15min

Caixas-pretas de avião da EgyptAir são analisadas

Os investigadores do caso do voo 804 da EgyptAir, que caiu no Mar Mediterrâneo no mês passado, disseram ontem que estavam realizando testes em duas caixas-pretas do avião, antes de tentar extrair dados. O trabalho realizado com os gravadores de dados de voz da cabine e do voo, que foram recuperados na semana passada, começou numa instalação especializada no Cairo, no sábado. Foi divulgado ainda que os preparativos iniciais para ler as unidades de memória digital levaram cerca de oito horas.
As caixas-pretas podem dar as melhores pistas na determinação do motivo da queda do voo 804, que matou todas as 66 pessoas a bordo. O avião partiu de Paris para o Cairo, quando se desviou do seu curso, disseram os investigadores, que não descartaram qualquer causa para o acidente.
CONTINUE LENDO ESTA NOTÍCIA EM NOSSA EDIÇÃO PARA FOLHEAR
CLIQUE AQUI PARA ACESSAR
COMENTAR | CORRIGIR
Comentários
Seja o primeiro a comentar esta notícia