Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, quinta-feira, 16 de junho de 2016. Atualizado às 19h41.

Jornal do Comércio

Geral

COMENTAR | CORRIGIR

segurança

16/06/2016 - 19h41min. Alterada em 16/06 às 19h42min

Governo do Rio pede para ter Forças Armadas na segurança de instalações olímpicas

As Forças Armadas deverão assumir a segurança do Aeroporto Internacional Tom Jobim e de vias expressas durante a Olimpíada. O pedido foi formalizado em ofício encaminhado pelo governador em exercício, Francisco Dornelles (PP), ao presidente em exercício Michel Temer. Além desses pontos estratégicos, caberia às Forças Armadas o policiamento ostensivo de Deodoro, na zona oeste, que tem cinco instalações olímpicas: Centro de BMX, Centro de Hóquei, Estádio de Canoagem Slalom, Pista de Mountain Bike e Arena da Juventude.
No pedido, Dornelles ressalta que a Polícia Militar (PM) não terá apoio da Força Nacional de Segurança para o policiamento da cidade, pois esses agentes atuarão na segurança interna de instalações olímpicas. O ofício com o pedido de reforço pelas Forças Armadas foi tema de reunião do Comitê Executivo de Segurança Integrada Regional, nesta quinta-feira.
COMENTAR | CORRIGIR
Comentários
Seja o primeiro a comentar esta notícia