Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, segunda-feira, 06 de junho de 2016. Atualizado às 20h03.

Jornal do Comércio

Geral

COMENTAR | CORRIGIR

Saúde

06/06/2016 - 20h03min. Alterada em 06/06 às 20h03min

Vacinação contra gripe será estendida a toda população de Porto Alegre

Mais de 500 mil pessoas já tomaram a vacina da gripe na rede pública de saudade da Capital

Mais de 500 mil pessoas já tomaram a vacina da gripe na rede pública de saudade da Capital


CRISTINE ROCHOL/PMPA/JC
A partir dessa terça-feira (7), as doses remanescentes da campanha de vacinação contra a gripe serão colocados à disposição da população de Porto Alegre. Cerca de 100 Postos de Saúde da cidade estarão distribuindo a imunização contra a influenza (gripe) gratuitamente. A decisão foi tomada pela Secretaria Municipal de Saúde (SMS) da Capital.
Conforme as unidades excedentes da vacina forem acabando, elas não serão respostas.
Os grupos prioritários continuam sendo atendidos normalmente. Para as gestantes, especialmente, a rede municipal disponibiliza o Centro de Referência de Imunobiológicos Especiais, que funciona no Hospital Materno Infantil Presidente Vargas (HMIPV), na avenida Independência, 661. O HMIPV imunizará as gestantes mesmo após o final da campanha.
Os 365.304 imunizados contra o vírus até o momento, fazem parte dos grupos prioritários: crianças, trabalhadores em saúde, gestantes, puérperas, indígenas e idosos. A vacinação contra a gripe já atingiu 96% do público-alvo da campanha, que é de 380.519 pessoas. Os dados são do Sistema de Informações do Programa Nacional de Imunizações (SIPNI) até 10h50min de hoje.
Entre os grupos prioritários, apenas as gestantes não tiveram a meta alcançada, ficando com 73,08%. Todos os demais grupos atingiram índices superiores a 95%. Somando ainda aqueles que não fazem partes dos grupos prioritários determinados pelo Ministério da Saúde, Porto Alegre já vacinou 569.101 pessoas.
COMENTAR | CORRIGIR
Comentários
Seja o primeiro a comentar esta notícia