Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, sábado, 25 de junho de 2016. Atualizado às 19h59.

Jornal do Comércio

Esportes

COMENTAR | CORRIGIR

Eurocopa

25/06/2016 - 19h48min. Alterada em 25/06 às 19h59min

Portugal bate Croácia com gol de Quaresma na prorrogação e avança para quartas

Portugal's forward Ricardo Quaresma (C) celebrates after scoring a goal during the extra-time in the Euro 2016 round of sixteen football match Croatia vs Portugal, on June 25, 2016 at the Bollaert-Delelis stadium in Lens.

Quaresma marca e sai para comemorar a chegada da seleção às quartas


FRANCOIS LO PRESTI/AFP/JC
O atacante Quaresma entrou em campo nos minutos finais do tempo regulamentar para marcar, já na prorrogação, o gol da vitória de Portugal sobre a Croácia por 1 a 0, neste sábado (25), e garantir o avanço do time lusitano às quartas de final da Eurocopa, realizada na França. A equipe croata mandou no jogo, mas pecou nas finalizações no Stade Bollaert-Delelis, em Lens, e acabou derrotada por uma jogada de contra-ataque fulminante da seleção portuguesa.
O domínio croata foi evidente durante o jogo, com 58% de posse de bola, 15 finalizações contra cinco de Portugal. No entanto, a pontaria não esteve afiada, tanto que somente dois chutes da Croácia foram defendidos pelo goleiro Rui Patrício - todos os outros foram para fora.
Portugal avançou para as quartas de final com sua primeira vitória na Eurocopa, pois havia empatado os três jogos da primeira fase e se classificou às oitavas como um dos quatro melhores terceiros colocados dos seis grupos. Na sequência da competição, o time de Cristiano Ronaldo encara a Polônia, que despachou a Suíça nos pênaltis, mais cedo, também neste sábado.
A partida se mostrou de muito estudo por parte das duas equipes, que se postaram bem na parte defensiva antes de sair para o jogo. O resultado foi um início de jogo muito truncado. Assim, a primeira finalização só aconteceu aos 24 minutos do primeiro tempo, quando Guerreiro cobrou falta fechada na área e Pepe apareceu sozinho para cabecear por cima do gol.
Com maior posse de bola e controlando o meio-de-campo, a Croácia conseguiu chegar com perigo aos 29, com Perisic. O meia dominou na ponta direita junto à linha de fundo, cortou para a esquerda e chutou na rede, pelo lado de fora. Até o intervalo, com Cristiano Ronaldo discreto em campo, as duas chances foram tudo o que as equipes produziram.
No segundo tempo, a Croácia entrou em campo novamente melhor em campo e criou três oportunidades de balançar as redes antes dos dez minutos, mas desperdiçou todas. Portugal respondeu aos 11, com chute errado de João Mário.
A grande oportunidade gol para a seleção croata aconteceu aos 16 minutos, quando Srna cobrou falta da direita e Vida subiu mais que os portugueses para cabecear com perigo à meta adversária, mas para fora.
Pouco depois, Nani recebeu cruzamento, tentou mandar a bola de ombro para o gol, foi tocado no alto e pediu pênalti, mas a arbitragem mandou o jogo seguir. Já nos minutos finais do tempo regulamentar, a Croácia tentou uma blitz, manteve a bola no campo de ataque, mas não conseguiu furar o bloqueio português.
Em uma partida fraca tecnicamente, as duas equipes mantiveram o mesmo padrão na prorrogação. A Croácia não soube o que fazer com os mais de 60% de posse de bola durante toda a partida e falhou em transformar o controle do jogo em gols. Nos 15 minutos finais, Vida cabeceou por cima e Perisic chutou cruzado para fora.
Paciente e bem postada na defesa, a seleção de Portugal conseguiu chegar ao gol da vitória aos 11 minutos do segundo tempo da prorrogação. Renato Sanches disparou em contra-ataque pelo meio, abriu para Nani na esquerda, que virou o jogo para Cristiano Ronaldo dentro da área. O atacante do Real Madrid bateu forte, no meio do gol, e Subasic deu rebote para Quaresma chegar sem marcação e cabecear para as redes vazias.
Nos instantes finais da prorrogação, Vida teve a chance de levar o duelo para os pênaltis, mas falhou em seu voleio. Assim, foi Portugal que se classificou para a próxima fase da Eurocopa.

FICHA TÉCNICA

  • Croácia: Subasic; Srna, Corluka, Vida e Strinic; Badelj, Modric, Perisic, Rakitic (Pjaca) e Brozovic; Mandzukic (Kalinic). Técnico: Ante Cacic.
  • Portugal: Rui Patrício; Cédric, José Fonte, Pepe e Raphael Guerreiro; Adrien Silva (Danilo Pereira), William Carvalho, André Gomes (Renato Sanches) e João Mário (Quaresma); Nani e Cristiano Ronaldo. Técnico: Fernando Santos.
  • Gol: Quaresma (Portugal), aos 11 minutos do segundo tempo da prorrogação.
COMENTAR | CORRIGIR
Comentários
Seja o primeiro a comentar esta notícia