Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, terça-feira, 27 de dezembro de 2016. Atualizado às 17h30.

Jornal do Comércio

Esportes

COMENTAR | CORRIGIR

Copa América Centenário

Notícia da edição impressa de 09/06/2016. Alterada em 27/12 às 18h32min

Goleada para encaminhar a vaga

Seleção não teve dificuldades na partida de ontem

Seleção não teve dificuldades na partida de ontem


Hector Retamal/AFP/JC
Depois do empate sem gols com o Equador na primeira rodada da Copa América Centenário, o Brasil precisava vencer para se manter na briga por uma das duas vagas para as quartas da final. E, para isso, nada melhor do que ter pela frente o frágil Haiti. Entrando em campo com a obrigação de golear, o time de Dunga fez o dever de casa e venceu por sonoros 7 a 1. Com o triunfo, a seleção assumiu a ponta no Grupo B, com 4 pontos e saldo 6.
Como era de se esperar, o Brasil dominou todo o duelo. A fraca seleção do Haiti até tentava trocar passes e fazer uma marcação alta na saída da bola brasileira, mas fracassava no objetivo de fazer um confronto parelho em razão da baixa qualidade técnica de seus jogadores.
CONTINUE LENDO ESTA NOTÍCIA EM NOSSA EDIÇÃO PARA FOLHEAR
CLIQUE AQUI PARA ACESSAR
COMENTAR | CORRIGIR
Comentários
Seja o primeiro a comentar esta notícia