Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, domingo, 05 de junho de 2016. Atualizado às 16h08.

Jornal do Comércio

Esportes

COMENTAR | CORRIGIR

automobilismo

05/06/2016 - 16h08min. Alterada em 05/06 às 16h08min

Valentino Rossi dá show e vence em Barcelona, mas Márquez assume ponta da MotoGP

O italiano Valentino Rossi mostrou neste domingo um pouco do talento que fez dele heptacampeão da MotoGP. Em um incrível duelo com o jovem espanhol Marc Márquez, o veterano da Yamaha levou a melhor no circuito de Barcelona e conquistou a vitória na etapa da Catalunha, a sétima do calendário de 2016 da categoria.
A corrida mostrou um pouco do melhor de dois grandes pilotos, de gerações diferentes, e viu a emoção tomar conta até as últimas voltas. Márquez chegou a ultrapassar Rossi nas últimas voltas, mas o italiano não desistiu e imediatamente recuperou a liderança para não mais perdê-la.
Se na Itália, diante de sua torcida, Rossi precisou abandonar e não pôde lutar pela vitória, seu segundo triunfo na temporada veio em Barcelona, na Espanha, casa de seus principais rivais na MotoGP. E aí, até a torcida, normalmente rival, mostrou o respeito pelo multicampeão ao aplaudi-lo intensamente no pódio.
Apesar do resultado final, Rossi largou mal e caiu da quinta para a sétima colocação. Márquez, que saíra na pole, também perdeu espaço e foi parar na terceira posição. Melhor para Lorenzo, que saiu em segundo e assumiu a ponta.
Não demorou, no entanto, para que Rossi tirasse os adversários da frente, um por um, até assumir a ponta. Márquez também fazia bonito e acabou ganhando a posição de Lorenzo, que foi caindo de rendimento volta após volta até finalmente sofrer uma queda em disputa com Andrea Iannone e abandonar.
Rossi manteve a liderança tranquila até as últimas voltas, quando Márquez chegou a ultrapassá-lo. Só que o italiano reassumiria a ponta logo na sequência, abriria vantagem e confirmaria o triunfo até com certa tranquilidade.
No pódio, a emoção tomou conta de Rossi, que subiu nele com uma camiseta em homenagem a Luis Salom, piloto da Moto2 morto na última sexta-feira durante o treino livre da categoria. A camiseta trazia o número 39, o mesmo da moto de Salom, e os dizeres "para sempre em nossos corações".
Com o triunfo, Valentino Rossi pulou para 103 pontos, na terceira colocação da temporada. Mesmo com a segunda posição neste domingo, Marc Márquez assumiu a liderança da categoria com 125, dez à frente de Jorge Lorenzo. Outro espanhol, Dani Pedrosa é o quarto, com 82 pontos.
COMENTAR | CORRIGIR
Comentários
Seja o primeiro a comentar esta notícia