Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, sexta-feira, 24 de junho de 2016. Atualizado às 16h42.

Jornal do Comércio

Economia

COMENTAR | CORRIGIR

conjuntura

24/06/2016 - 16h42min. Alterada em 24/06 às 16h42min

Banco Central monitora Brexit e diz que adotará medidas se necessário

Agência Globo
O Banco Central (BC) divulgou nesta sexta-feira uma nota em resposta à decisão dos cidadãos britânicos, em referendo, de retirar o Reino Unido da União Europeia, o chamado Brexit. Segundo o texto, o BC está "monitorando continuamente" os mercados globais e doméstico e "caso necessário, adotará as medidas adequadas para manter o funcionamento normal dos mercados financeiro e cambial".
A decisão, por 52% a 48% dos votos, foi divulgada nesta madrugada pelo governo britânico e levou o primeiro-ministro David Cameron a renunciar nesta manhã. Segundo o BC, a economia brasileira é capaz de enfrentar movimentos dessa proporção.
"A economia brasileira tem fundamentos robustos para enfrentar movimentos decorrentes? desse processo, especialmente, relevante montante de reservas internacionais, o regime de câmbio flutuante e um sistema financeiro sólido, com baixa exposição internacional".
Atualmente, as reservas internacionais do país totalizam US$ 377,2 bilhões.
COMENTAR | CORRIGIR
Comentários
Seja o primeiro a comentar esta notícia