Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, segunda-feira, 16 de maio de 2016. Atualizado às 15h41.

Jornal do Comércio

Política

COMENTAR | CORRIGIR

investigação

13/05/2016 - 08h38min. Alterada em 13/05 às 08h38min

Menos de 24 horas depois de abrir inquérito contra Aécio, Gilmar suspende investigações

Aécio é suspeito de participação em esquema de desvio de dinheiro de Furnas

Aécio é suspeito de participação em esquema de desvio de dinheiro de Furnas


GEORGE GIANNI/DIVULGAÇÃO/JC
Agência O Globo
O ministro Gilmar Mendes, do Supremo Tribunal Federal (STF), determinou nesta quinta-feira (12) a suspensão das investigações contra o senador Aécio Neves (PSDB-MG) por suspeita de participação no esquema de desvio de dinheiro de Furnas até que o procurador-geral da República, Rodrigo Janot, informe se considera mesmo necessária a abertura do inquérito. Janot pediu a abertura das investigações contra Aécio na semana passada. Na quarta-feira à noite, Gilmar concordou e instaurou o inquérito. Em menos de 24 horas, depois de receber a defesa de Aécio, o ministro decidiu suspender as diligências que já haviam sido determinadas, entre elas, o depoimento do senador.
No ano passado, a PGR enviou petição ao STF com indícios contra Aécio, colhidos da delação premiada do doleiro Alberto Youssef. Essa petição foi arquivada por falta de elementos contra o senador. Na semana passada, Janot pediu o desarquivamento da petição e o acréscimo de novos elementos contra o tucano, agora, levantados a partir da delação do ex-senador Delcídio Amaral (sem partido-MS). O PGR pediu a investigação dos crimes de corrupção e lavagem de dinheiro.
Segundo a defesa de Aécio, a investigação foi reaberta sem novas provas, em contrariedade às normas do STF. Na decisão de hoje, Gilmar dá indícios de que concorda com Aécio. "A petição do parlamentar pode demonstrar que a retomada das investigações ocorreu sem que haja novas provas", escreveu o ministro.
Gilmar também ponderou que a manifestação da defesa pode suprir a necessidade de diligências. Além do depoimento de Aécio, tinham sido determinadas a juntada de documentos da investigação da Polícia Federal sobre o caso Furnas e também o depoimento do ex-diretor de Furnas Dimas Fabiano. "É possível que a manifestação satisfaça as diligências probatórias postuladas pelo Procurador-Geral da República", anotou o ministro.
Em delação premiada, Youssef contou que ouviu de José Janene a informação de que o PSDB, por meio de Aécio, dividia uma diretoria de Furnas com o PP. Yousseff também teria ouvido que o tucano recebia valores mensais.
Segundo o procurador-geral, a delação de Delcídio trouxe "novos elementos que indicam, com maior robustez, suposta prática dos crimes anteriormente descritos contra o senador".
Gilmar Mendes tomou posse hoje como presidente do Tribunal Superior Eleitoral (TSE). No discurso, criticou a "empedernida trupe de insensatos" que tomou a República de assalto. Sem citar nomes, Gilmar disse que a corte não compactuará com os abusos econômicos e políticos cometidos nas eleições de 2014. Relator das contas de campanha da presidente Dilma Rousseff, Gilmar continua investigando irregularidades detectadas, o que irritou o governo e o PT. O ministro permanecerá no cargo até fevereiro de 2018. Ainda no discurso de posse, Gilmar afirmou que o Brasil vive um "ciclo de descalabros", em ameaça à República.
"Entre perplexo e indignado, o Brasil de hoje é um país tomado por sobressaltos. É como se, a cada manhã, os brasileiros se pusessem a postos para esperar o escândalo da hora. Vexames se sucedem em tal velocidade que até a já habitual demanda de manchetes sensacionalistas resulta estrangulada. Olhando-se o mal-engendrado conjunto formado por esse impressionante ciclo de descalabros, tem-se a viva impressão de que nossa combalida República parece ter sido tomada de assalto por empedernida trupe de insensatos".
COMENTAR | CORRIGIR
Comentários
Mena Filho 16/05/2016 14h54min
Aí tem muita coisa suja nesse STF
um simples zé do brasil 14/05/2016 21h02min
ONDE FEDE, TEM PODRE, MESMO EMBAIXO DO TAPETE!
Geovanio 14/05/2016 18h49min
Querer esperar outra coisa desse Senhor contra o Psdb, é acreditar em papai noel.Ele é da turma deles.
severino vanderley 14/05/2016 00h12min
Não e novidade, o golpe segue implacavel
Luiz Gomes Moreira 13/05/2016 20h32min
Processos por construção de aeroporto para trafico de drogas é com a INTERPOL
Bernadete Aparecida Batista 13/05/2016 18h45min
Alguém acredita mesmo que o Aécio um dia será investigado? Faça-me rir, o pior que não temos a quem recorrer contra isso pois a instituição maior que é o Supremo é quem acoberta a todos do PSDB , moral da história temos apenas que assistir essa vergonha e engolir
WAGNER 13/05/2016 18h38min
QUE BRASIL E ESSE QUE VIVEMOS,A JUSTIÇA SO VALE PARA O PT,SEU ACEIO NEVES PRECISA SER INVESTIGADO,MENDES ESTA MANCHANDO O PODER DO SUPREMO,APESAR QUE QUE ELES QUER GOVERNAR E MANDAR DO JEITO QUE BEM ENTENDE.n
Nivaldo Rocha 13/05/2016 16h31min
Ja estão começando a cortar a água da lava jato.
Ederson Alves caldeira 13/05/2016 15h53min
Infelizmente é isso que vem acontecendo no nosso brasil,tudo o que acontecem contra o psdb é arquivado...se um politico corrupto faz delação premiada contra o pt, a delação é verdadeira, mas quando o mesmo corrupto faz delação contra os tucanos é falsa e mentira as acusações...cadê a cpi das merendas das escolas do estado de São Paulo...tenho certeza que será arquivada ou abafada...
José Antonio 13/05/2016 15h13min
Estava certo o ministro Joaquim Barbosa ao dizer para Gilmar Mendes, para que ele não pense que está lidando com seus capangas do Mato Grosso
Luciano 13/05/2016 15h01min
Isso já. era.de.se.esperar, tá na cara que existe um jogo entre o Gilmar e PSDB.
eduardo amaral 13/05/2016 14h50min
Essa pessoa não se trata de um Juiz. É um torcedor do PSDB. Com o seu maior rival, o PT é implacável. País com um Ministro desses não tem rumo...
Ton Ton 13/05/2016 14h29min
Todos os bandidos serão absolvidos de seus crimes a partir de agora. Ora veja se a quadrilha de Michel Temer vai autorizar que qualquer outro membro da gangue seja investigado. Só que não, né?! Se até o nosso novo Ministro da Justiça é um antigão advogado do PCC, tô por visto o que ainda vem por aí. Gilmar Mendes é um BANDIDO! kkkk para todos os brasileiros idiotizados imbecis que torceram para que este canalha depravado do Temer assumisse o Poder. Agora eu quero é que o barco afunde de uma v
Marcos Luiz Coelho Moreira 13/05/2016 13h45min
Passa o Brasil por um sério momento que, infelizmente, não é avaliado adequadamente e de forma isenta. Reina o momento do poder do Judiciário, Mídias e de políticos corruptos, formados por velhas raposas. O povo não tem voz e o pouco que sabem são notícias plantadas. Considero tratar-se de uma "forma de ditatura" de direita. O espaço foi criado pela fraqueza e falta de habilidade da esquerda. Como achar o caminho de uma nação verdadeiramente democrática é a questão. Não dá para acreditar.
Magno de Paula Cunha 13/05/2016 12h42min
O julgamento do ministro Gilmar Mendes, foi rápido em julgar e inocentar o Senador Aécio Neves. Segundo o vídeo do operador da lista de furnas, que foi preso sem madado judicial e sem condenação, ficou preso por nove meses sem ser julgado. E este já solicitou e se pós à disposição para ser interrogado, para reparar sua dignidade. E ai ministro, dá exemplo de justiça superior, ou até quando a INDULGÊNCIA do senador Aécio Neves, vai prevalecer?n
Marcos 13/05/2016 12h40min
Esse ministro do STF também está na lista de furnas e deveria estar sendo investigado também. Foi esse ministro quem deu 2 habeas-corpus relâmpago para o Daniel Dantas quando estava sendo investigado. IMPEACHMENT PARA GILMAR MENDES.
Marcos 13/05/2016 12h37min
Esse ministro do STF também está na lista de furnas e deveria estar sendo investigado também. Foi esse ministro quem deu 2 habeas-corpus relâmpago para o Daniel Dantas quando estava sendo investigado.
vicente augusto de oliveira 13/05/2016 12h31min
Ai tem coisa... pode investigar.... é uma vergonha.... para o psdb nada vale, espánta a rapidez da reviravolta.....triste muito triste não dá para acreditar em mais ninguém e em nenhum poder.
Erlon 13/05/2016 12h25min
Cadê os coxinhas batendo panelas?n Era isso que os coxinhas queriam, tirar a Dilma para que os outros pudessem roubar sem ser importunado. O brasileiro gosta de sofrer. Tem o governo que merece...
LUCAS LIMA DA SILVA 13/05/2016 12h24min
Sr Gilmar Mendes é imparcial, partidário e e não tem condições de presidir uma corte. Infelizmente o Brasil é assim.... Extremistas sem bombas, mas com pompas...
ALEXANDRE HENRIQUE 13/05/2016 12h15min
Tudo jogado em baixo do tapete , aliás eles estão trabalhando dioturnamente na urdidura silente de um grande tapete, e daqui por diante tudo será lançado sob ele, tudo como antes. Daqui a pouco teremos um novo corcovado com tanta sujeira. Em cima tudo "limpinho" e bonito, embaixo toda a sujeira escondida.
Alexandre 13/05/2016 11h57min
Já era de se esperar. Foi indicado ao STF no governo FHC e antes era ministro chefe da AGU, tb no governo FHC. Já arquivou investigações de José Serra, ou seja, é um simpatizante do PSDB! Nunca essa investigação contra o Aécio Neves vai ser imparcial nas mãos dele!
Jonas 13/05/2016 10h45min
Este Gilmar mendes é um safado também, entregar um documento qualquer um arruma, primeiro faz a investigação, após a conclusão se não houver nada, ai sim suspende a denuncia, agora deixa este safado solto para roubar mais um pouco, este ministro também me parece suspeito!!!!!
ELISEU ANDRADE 13/05/2016 10h36min
Esse cara de pau diz uma coisa para a imprensa e depois manda os seus advogados agirem para abafar as denuncias contra ele de corrupção!nTEM A AJUDA DO ministro Gilmar Mendes que é seu "amiguinho" que até agora tem trabalhado para impedir que investigações sejam feitas contra quadros do PSDB!!!! nEsse ministro presta um desserviço ao Brasil, quando usa a toga para fazer militância política! Vergonha! nEsse ministro deve ser processado por prevaricação e ser destituído do cargo!!!
sidonio de freitas 13/05/2016 10h16min
isso é brazil...paiz onde esses tipos de politicos fazem oq pretende.so roubo, aeroporto no quintal de casa com nosso dinheiro,é pra acabar mesmo brazil...
Pedro 13/05/2016 10h05min
O policial civil Lucas Gomes Arcanjo denunciou com provas Aécio Neves por tráfico de drogas de grande porte em nível internacional. Ele foi achado morto enforcado com uma gravata em março de 2016 e não vejo a imprensa se interessar pelo caso.nSerá que a imprensa não quer prejudicar seu candidato ideal??
Dalva T.P.Sinaidi 13/05/2016 09h43min
ESSE E O BRASIL DA VERGONHA. VERGONHA. VERGONHA.....
dimenciona 13/05/2016 09h35min
Como que pra essa turma eles tiram as denuncias num passe de mágica?
Naildo Domingos Pereira Domingos 13/05/2016 09h32min
O que mais me espanta, é a rapidez do Ministro Gilmar Mendes. Enquanto tem tantos processos no STF, engavetado. Ele já deu o seu veredito. O advogado do Aécio Neves deve um magico, convenceu o Ministro muito rápido, da inocência do seu cliente.
Paulo Souza 13/05/2016 09h30min
Normal, afinal o Gilmar é o líder do PSDB no STF
aylton san juliano 13/05/2016 09h01min
VERGONHOSO EM SR. GILMAR. EM DISFARÇAR O SENHOR SABE. BATISA ELE SUA IGREJA. O JUDICIÁRIO PERDEU A MORAL TOTALMENTE COM ATITUDES DESTE TIPO