Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, quarta-feira, 04 de maio de 2016. Atualizado às 19h09.

Jornal do Comércio

Esportes

COMENTAR | CORRIGIR

futebol

04/05/2016 - 19h09min. Alterada em 04/05 às 19h09min

Com 2 derrotas em 3 anos, Espanha amplia hegemonia contra 'resto da Europa'

Vizinhos em Turim, Juventus e Torino têm um peculiaridade em comum. São os únicos clubes que conseguiram vitórias contra times espanhóis em mata-matas das ligas europeias nas últimas três temporadas. Exceção à derrota do Real Madrid para a Juventus na semifinal da Liga dos Campeões de 2014-15 e ao revés do Athletic Bilbao frente ao Torino na primeira rodada da fase eliminatória da Liga Europa da mesma temporada, os espanhóis não perderam para mais ninguém.
Contando também as fases preliminares, classificatórias à etapa de grupos de ambas as competições, já são mais de 50 triunfos dos espanhóis em confrontos contra equipes estrangeiras nas fases de mata-mata.
Desde que começou essa hegemonia, a Espanha passou invicta por duas edições da Liga dos Campeões. Na temporada 2013-14, as únicas eliminações fora para outros times espanhóis: o Barcelona caiu diante do Atlético de Madrid, que foi derrotado pelo Real Madrid na decisão.
Nesta temporada, a história praticamente se repete. O Barcelona mais uma vez foi eliminado pelo Atlético, que fará mais uma final contra o vizinho e arquirrival. Os demais times espanhóis a disputarem a competição nesses três anos (Sevilla duas vezes, Athletic de Bilbao, Valencia e Real Sociedad) caíram na fase de grupos.
Na Liga Europa a situação é idêntica. Só temporada 2013-14, foram 12 triunfos espanhóis em mata-matas, incluindo dois duelos nacionais, nos quais o Sevilla eliminou Betis e Valencia. Depois foi campeão. No ano passado, o Sevilla faturou o bi depois de passar o Villarreal nas oitavas.
O cenário está perto de se repetir neste ano. Eram quatro espanhóis no mata-mata da Liga Europa, mas o Bilbao tirou o Valencia e depois caiu diante do Sevilla. Nesta quinta, o Villarreal visita o Liverpool (venceu na ida por 1 a 0) e Sevilla recebe o Shakhtar Donetsk pela semifinal (houve empate por 2 a 2 na ida). Ambos são favoritos a fazer uma final espanhola.
COMENTAR | CORRIGIR
Comentários
Seja o primeiro a comentar esta notícia