Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, quinta-feira, 26 de maio de 2016. Atualizado às 14h20.

Jornal do Comércio

Economia

COMENTAR | CORRIGIR

Imprensa

Notícia da edição impressa de 25/05/2016. Alterada em 25/05 às 15h08min

Jornal do Comércio chega aos 83 anos nesta quarta

Jornal começou como Consultor do Comércio

Jornal começou a veicular como Consultor do Comércio


REPRODUÇÃO/JC
O Jornal do Comércio completa 83 anos nesta quarta-feira, consolidado como referência no noticiário de economia e negócios no Rio Grande do Sul. Essa, aliás, foi a marca da sua trajetória desde 25 de maio de 1933, quando Jenor Cardoso Jarros deu início ao novo veículo de comunicação.
Na época, com pouco mais de 20 anos, o pioneiro Jenor criou um boletim informativo sobre o comércio de Porto Alegre, que informava aos atacadistas sobre os produtos que chegavam e saíam pelo porto da Capital. Também havia dados sobre o transporte ferroviário de mercadorias.
O empreendedor deu o nome de Consultor do Comércio à publicação, que, pouco a pouco, foi ampliando informações, aumentando o número de assinantes, a tiragem e a periodicidade, consolidando-se como semanal nos anos 1940, e trissemanal (segundas, quartas e sextas-feiras) na década de 1950.
Em 1 de outubro de 1956, o veículo de comunicação passou a se chamar Jornal do Comércio, modernizado editorialmente e com uma cobertura mais ampla, além dos temas econômicos. O passo seguinte foi se tornar um jornal diário, sonho de Jenor Jarros, que se realizou em 1 de setembro de 1960.
Na época, o Jornal do Comércio ingressou neste novo mercado como o sétimo diário da Capital. Seguiu sua linha editorial e se manteve crescendo, mesmo com a forte concorrência.
Nesta quarta-feira, o JC comemora 83 anos de circulação ininterrupta. Sob esse aspecto, é o jornal mais antigo em atividade em Porto Alegre. "Ao longo dessas mais de oito décadas, o Jornal do Comércio sempre soube se manter fiel ao leitor, construindo uma história de confiança mútua e de credibilidade das informações que transmite", observa o diretor-presidente do JC, Mércio Tumelero.

Um jornal completo no conteúdo e multiplataforma

Com portal renovado, JC também tem boa audiência na versão on-line
Com portal renovado, JC também tem boa audiência na versão on-line
REPRODUÇÃO/JC
Um time de jornalistas qualificados e colunistas experientes garantem ao JC o título de jornal de economia e negócios do Rio Grande do Sul. Mas, nas últimas décadas, o Jornal do Comércio seguiu ampliando seu noticiário. Hoje, com uma redação em que trabalham mais de 80 profissionais, publica um sólido noticiário sobre política, matérias sobre a cidade e suplementos culturais, com diversas reportagens premiadas.
Em todas as editorias, a linha de informação com credibilidade é respeitada. Sempre buscando aprofundar os temas, com matérias completas e contextualizadas para o leitor. "Ao mesmo tempo em que trabalha por uma informação com credibilidade, o JC sempre busca a modernidade de conceito, forma e conteúdo. Atualmente, essa característica se expressa nos investimentos no meio digital e na veiculação de notícias pelo site do Jornal do Comércio, que já conta com uma sólida audiência", salienta o diretor-presidente do JC, Mércio Tumelero.
Além de um portal com novo layout, responsivo e que agrega mais conteúdo, a equipe que produz a versão on-line foi reforçada e trabalha integrada na redação. A qualidade da informação garante uma audiência crescente ao site, que atrai seguidores - já são mais de 208 mil fãs no Facebook.
O conteúdo do JC é disponibilizado em diversas plataformas, no meio impresso e digital, seja no computador ou em aplicativos para navegar em tablets e smartphones. Outra novidade é o GeraçãoE, lançado em 2015. Além do caderno semanal, mantém um site com notícias sobre empreendedorismo sempre atualizadas.
Leia o caderno especial Dia da Indústria. Confira também o editorial da edição de aniversário
COMENTAR | CORRIGIR
Comentários
Dorian R. Bueno 25/05/2016 17h33min
Olá Amigos !!!nEu também estou de PARABÉNS por que de forma anônima faço parte do time JC.nAntes que me perguntem qual a erva que cheirei, já vou informando que NENHUMA. nTambém não precisam ler tudo de uma vez so, vão cheirando bem na manha e sem pressa, por que quando o aroma do CHEIRO da NOTÍCIA é BALA, a duração da repercussão é bem maior.nOS CHEIROS DAS PALAVRAS ATRAVESSAM GERAÇÕES !!!nOS CHEIROS DAS NOTÍCIAS SURGEM TODOS OS DIAS !!!nOS CHEIROS DAS PALAVRAS PERFUMAM AS REDAÇÕES !!!nQuero poluir as telas dos computadores com algumas palavras podres e outras cheirosas.nPoderia mencionar muitos cheiros neste perfumado poema, mas é melhor ir deixar fluindo.nQue nojo o cheiro de políticos, corrupção, marginais, fome, doenças, e tudo que cheira MAL.nDEUS vai nos perfumar com a sua misericórdia diária ungindo-nos com o ÓLEO perfumado.nCheiro da vida que nasce pelo o desejo da força e pensamento da nossa perfumada mente.nCheirosamente seja aquele amor que deixou de alguma forma a sua marca depois do sexo.nPor onde passaremos sempre existirá alguém cheirando diferente ou igual para nos cheirar.nMaldito cheiro que marca territórios até dos cachorros e a nosso favor às vezes sem querer.nNas ruas ou outros ambientes tudo se misturará com os muitos cheiros que são liberados.nÉ terrível o cheiro de poluição das queimadas, ar, terra, mar e da falta de Co2 para a vida.nTristeza do cheiro da inveja, do rancor que causa em nós tremenda dor e tanta vergonha.nDela exala o cheiro da violência, perigo, atrito, discussão, conflito, confusão, azar e morte.nVou tentar não ver, fingir, fugir, omitir este detalhe e não ficar fedido nas esquinas poluídas.nCom este cheirão de ódio, pólvora, lágrimas de sangue, mágoas que matam várias famílias.nCheiro de que nem cheira mais como antes porque ficou perdido no ar alucinado e drogado.nCheiram sempre correndo demais sentido vontade de cheirar muito mais o cheiro da morte.nSem desmerecer-me, sei que às vezes cheirava muito pior por fumar como a alta chaminé.nCaso o aroma seja ótimo temos a chance de não ser esquecido jamais pelo o nosso amor.nCorremos o risco de deixar em outras peles e roupas a nossa essência tatuada pelo cheiro.nPodemos ter a oportunidade de cheirar e de pertinho querer ser bem cheirado muitas vezes.nAinda bem que antes de sair de casa alguns colocam o perfume preferido do pequeno frasco.nQuem não se lembra do dia que dançava perfumado de rosto colado através do suor da amada?nPrecisamos ter a sorte para agradecer que pegamos o cheiro do amor sem constrangimento. nQue não foi apenas um detalhe da última relação, deslize de respingos de mais uma paixão. nAcredito que muitos cheiros de amizades, namoros, paqueras e noivados surgem aos poucos.nO cheiro certo possui a tática de perfumar e escolher quem vamos casar no jardim com flores.nDevido os vários cheiros e gostos que o mercado de perfumarias oferece ficamos em dúvida.nTantas marcas, tamanhos de frascos que dá vergonha de não saber o que o amor vai gostar.nOs cheiros misturados de todos os tipos às vezes nos piram e encucam, será que vai gostar?nO que levar sem errar a essência do perfume e não poluir a relação que está cheirando bem?nSentimos no ar o cheiro de quem não é bem vindo por estar cheirando mal e nem esta aí.nPode ser devido à falta de banho ou da boca limpa por falta da manutenção do creme dental.nVamos e voltamos ao trabalho, academia com o nosso cheiro tradicional e suamos ou não.nMelhoramos ou pioramos o nosso cheiro conforme a nossa vontade de querer cheirar melhor.nSomos livres para viajar mundo a fora e pelo cheiro do pensamento conhecer novos cheiros. nA sensibilidade das narinas permitirá sentir os variados tipos de aromas da cultura dos países.nErvas medicinais, temperos, chás, comida, café, flores em vários momentos estarão entre nós.nQue saibamos aproveitar tudo que cheira bem, pagando ou não para ficar bem mais cheirosos.nNão posso esquecer que tem jogador de futebol quando está iluminado sente o cheiro do GOL.nOs atletas olímpicos bem preparados sempre sentirão o cheirinho de uma medalha de OURO.nAmém !!!nAbs. Dorian Bueno Google +, 25.491 acessos em 8 meses, Graças a Deus, POA, 25.05.2016nn
Sinara oliveira 25/05/2016 08h36min
Parabéns JC, longa Vida, salve salve!