Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, segunda-feira, 23 de maio de 2016. Atualizado às 22h50.

Jornal do Comércio

Economia

COMENTAR | CORRIGIR
Notícia da edição impressa de 24/05/2016. Alterada em 23/05 às 22h49min

Demanda doméstica por transporte aéreo cai 12,22%

Empresas embarcaram 6,8 milhões de passageiros no mês de abril

Pátio do Aeroporto Internacional Juscelino Kubitschek na véspera do Natal Foto Antônio Cruz ABr


ANTONIO CRUZ/ABR/JC
A demanda doméstica por viagens aéreas recuou 12,22% em abril na comparação com o mesmo mês de 2015, segundo levantamento divulgado ontem pela Associação Brasileira das Empresas Aéreas (Abear), que reúne os dados das principais companhias aéreas brasileiras (TAM, Gol, Azul e Avianca).
A entidade destaca que, em termos absolutos, esse foi o pior desempenho mensal da demanda doméstica desde fevereiro de 2013 e o pior desempenho do indicador para abril desde 2012. Há nove meses consecutivos, o setor registra queda na demanda doméstica. No acumulado de 2016, a demanda doméstica registra queda de 6,54% ante os primeiros quatro meses de 2015.
CONTINUE LENDO ESTA NOTÍCIA EM NOSSA EDIÇÃO PARA FOLHEAR
CLIQUE AQUI PARA ACESSAR
COMENTAR | CORRIGIR
Comentários
Seja o primeiro a comentar esta notícia