Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, segunda-feira, 16 de maio de 2016. Atualizado às 22h41.

Jornal do Comércio

Economia

COMENTAR | CORRIGIR

Inflação

Notícia da edição impressa de 17/05/2016. Alterada em 16/05 às 22h40min

Alta dos preços de remédios pressiona o IGP-10 de maio

Os reajustes em preços de medicamentos estão pressionando a inflação varejista no mês de maio. No âmbito do Índice Geral de Preços - 10 (IGP-10), o Índice de Preços ao Consumidor (IPC) subiu 0,60% em maio, ante 0,43% em abril. Os preços de alimentos, contudo, deram um refresco ao orçamento dos brasileiros, apontou a Fundação Getulio Vargas (FGV).
Ao todo, quatro das oito classes de despesa aceleraram na passagem do mês, com destaque para o grupo saúde e cuidados pessoais (0,94% para 2,53%). Nesta classe de despesa, vale mencionar o comportamento do item medicamentos em geral (1,34% para 7,55%). O governo autorizou um reajuste de até 12,5% no fim de março.
CONTINUE LENDO ESTA NOTÍCIA EM NOSSA EDIÇÃO PARA FOLHEAR
CLIQUE AQUI PARA ACESSAR
COMENTAR | CORRIGIR
Comentários
Seja o primeiro a comentar esta notícia