Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, segunda-feira, 16 de maio de 2016. Atualizado às 08h15.

Jornal do Comércio

Economia

COMENTAR | CORRIGIR

Mercado Financeiro

16/05/2016 - 08h15min.

Bolsa de Tóquio fecha em leve alta, ajudada por balanços positivos

A Bolsa de Tóquio fechou em leve alta nesta segunda-feira (16), impulsionada por balanços positivos de várias empresas e por expectativas de novos estímulos fiscais do governo japonês para revitalizar a economia.

O Nikkei, índice que reúne as empresas mais negociadas na capital do Japão, subiu 0,33%, a 16.466,40 pontos, após acumular valorização de 1,9% na semana passada.

O fabricante de cosméticos Shiseido foi um dos destaques em Tóquio, com ganho de 9,9% em suas ações, após divulgar resultados trimestrais sólidos.

Já a Sumitomo Electric Industries, que também apresentou balanço animador e previsões otimistas para o ano, saltou 14%.

De forma geral, o mercado japonês foi sustentado por crescentes apostas de que Tóquio pretende tomar novas medidas fiscais, incluindo o adiamento de uma elevação prevista no imposto sobre vendas, uma vez que o grupo dos sete países mais industrializados (G-7) se prepara para se reunir nos próximos dias.

"Já superamos o pico da temporada de balanços. E atividades macroeconômicas são o próximo foco. E a economia não está em boa forma", comentou o gerente geral de pesquisa da Chibagin Asset Management, Yoshihiro Okumura.
COMENTAR | CORRIGIR
Comentários
Seja o primeiro a comentar esta notícia