Corrigir texto

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Economia

- Publicada em 13 de Maio de 2016 às 16:14

Volume de negócios do setor de vendas diretas cai 2,7% no 1º tri, diz ABEVD

Agência Estado
O volume de negócios no setor de vendas diretas caiu 2,7% no primeiro trimestre de 2016 na comparação com igual período do ano anterior, de acordo com levantamento da Associação Brasileira de Empresas de Vendas Diretas (ABEVD). Este modelo de negócios - que tem entre seus representantes empresas como Natura e Avon - movimentou R$ 9,11 bilhões entre janeiro e março.
O volume de negócios no setor de vendas diretas caiu 2,7% no primeiro trimestre de 2016 na comparação com igual período do ano anterior, de acordo com levantamento da Associação Brasileira de Empresas de Vendas Diretas (ABEVD). Este modelo de negócios - que tem entre seus representantes empresas como Natura e Avon - movimentou R$ 9,11 bilhões entre janeiro e março.
O número de revendedores registrou crescimento de 1,18% em comparação com o mesmo trimestre do ano passado. De acordo com a entidade, ao final do período o total de revendedores chegou a 4,4 milhões.
Conteúdo Publicitário
Leia também
Comentários CORRIGIR TEXTO