Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, domingo, 29 de maio de 2016. Atualizado às 19h00.

Jornal do Comércio

Panorama

COMENTAR | CORRIGIR

Acontece

Notícia da edição impressa de 30/05/2016. Alterada em 27/05 às 19h10min

Estreias no CineBancários

Registros pessoais ajudaram a compor o documentário Yorimatã

Registros pessoais ajudaram a compor o documentário Yorimatã


LUIZ FERNANDO BORGES DA FONSECA /DIVULGAÇÃO/JC
A primeira semana de junho traz duas estreias de cinema no CineBancários (General Câmara, 424). Amanhã, em sessões às 15h, 17h e 19h, entra para a grade de horários o filme Yorimatã, de Rafael Saar. O longa abriu o Festival Sesc Melhores Filmes 2016 e retoma a vida de Luhli e Lucina, duas artistas que marcaram o cenário musical brasileiro nas décadas de 1970 e 1980. O documentário reúne filmagens atuais com cenas, shows e depoimentos das artistas Luhli e Lucina e de cantores com quem dividiram o palco, como Ney Matogrosso e Gilberto Gil. Os ingressos custam de R$ 5,00 a R$ 10,00 e o CineBancários irá presentear as primeiras 37 pessoas a retirar senha para a primeira sessão do filme com um CD da trilha sonora do longa.
Na quinta-feira, dia 2, é a vez de Uma noite em Sampa integrar a programação do cinema, dividindo os horários das 13h e 19h. A comédia foi rodada em uma única locação e dirigida por Ugo Giorgetti. Na trama, um grupo de pessoas se desloca do interior para assistir a uma peça do teatro quando o ônibus que os levaria de volta para casa está trancado e sem o motorista.
CONTINUE LENDO ESTA NOTÍCIA EM NOSSA EDIÇÃO PARA FOLHEAR
CLIQUE AQUI PARA ACESSAR
COMENTAR | CORRIGIR
Comentários
Seja o primeiro a comentar esta notícia