Porto Alegre, segunda-feira, 25 de abril de 2016. Atualizado às 08h34.
PREVISÃO DO TEMPO
PORTO ALEGRE AMANHÃ
AGORA
20°C
19°C
12°C
previsão do tempo
COTAÇÃO DO DÓLAR
em R$ Compra Venda Variação
Comercial 3,5700 3,5720 1,10%
Turismo/SP 3,4700 3,7200 1,63%
Paralelo/SP 3,4800 3,7200 1,63%
mais indicadores
Página Inicial | Opinião | Economia | Política | Geral | Internacional | Esportes | Cadernos | Colunas | GeraçãoE
ASSINE  |   ANUNCIE 
COMENTAR CORRIGIR ENVIAR imprimir IMPRIMIR

Crise Política Notícia da edição impressa de 25/04/2016. Alterada em 25/04 às 08h34min

Senado elege hoje Comissão do Impeachment

Com as últimas indicações feitas pelo bloco de apoio ao governo, a Comissão Especial do Impeachment está completa, com 21 titulares e o mesmo número de suplentes. A formação do colegiado que analisará as denúncias contra a presidente Dilma Rousseff (PT) de crime de responsabilidade pelas pedaladas fiscais será submetida a voto no plenário do Senado hoje à tarde.
Aprovada a comissão, caberá ao senador mais velho convocar a primeira reunião, na qual serão eleitos o presidente e o relator. O PMDB, por ser a maior bancada no Senado, tem o direito de escolher o presidente.
Segundo o líder da legenda, Eunício Oliveira, Raimundo Lira (PMDB-PB) é o indicado. "Pelos prazos que temos, de acordo com o rito de funcionamento desta comissão, temos quase a certeza que a comissão será instalada às 10h de terça-feira, quando começam a contar os prazos", afirmou Raimundo Lira.
Antes declaradamente contra Dilma, Lira tem dito que, a partir da indicação, passou a se posicionar de forma isenta, posição que adotará na condução dos trabalhos, e que dará espaço para que a defesa da presidente possa se pronunciar. "O meu status vai ser o de indeciso. Não posso ter um juízo de valor se vou presidir uma comissão com opiniões divergentes. Se não fosse assim, eu não teria condições de presidir", acrescentou.
Ao PSDB, bloco com a segunda maior bancada, coube a indicação para a relatoria da comissão. Aliado do presidente do partido, senador Aécio Neves, o também mineiro Antonio Anastasia foi o designado do líder tucano, Cássio Cunha Lima (PB), apesar dos protestos dos governistas, que não aceitam alguém diretamente interessado no resultado do processo.
A comissão de impeachment foi formada de forma proporcional, conforme os blocos partidários, e não segundo a representação dos partidos. Em ampla desvantagem, o governo conta com apenas cinco votos favoráveis entre os 21 titulares do colegiado.
O presidente do Senado, Renan Calheiros (PMDB-AL), ressaltou que, uma vez aprovada a admissibilidade do impeachment, todas as questões sobre o processo deverão ser dirigidas ao presidente do Supremo Tribunal Federal, Ricardo Lewandowski.
{'nm_midia_inter_thumb1':'http://jcrs.uol.com.br/_midias/jpg/2016/04/25/206x137/1_tabelapolitica-480331.jpg', 'id_midia_tipo':'2', 'id_tetag_galer':'', 'id_midia':'571e00b656ee6', 'cd_midia':480331, 'ds_midia_link': 'http://jcrs.uol.com.br/_midias/jpg/2016/04/25/tabelapolitica-480331.jpg', 'ds_midia': 'tabela senado', 'ds_midia_credi': 'tabela', 'ds_midia_titlo': 'tabela senado', 'cd_tetag': '1', 'cd_midia_w': '494', 'cd_midia_h': '466', 'align': 'Left'}
COMENTÁRIOS
Deixe seu comentário sobre este texto.



DEIXE SEU COMENTÁRIO CORRIGIR ENVIAR imprimir IMPRIMIR
LEIA TAMBÉM
Serra também vai ao Jaburu para se reunir com Temer
Dirigentes do PSDB querem impedir integrantes do partido de ocuparem cargos no primeiro escalão, caso o impeachment da presidente Dilma Rousseff seja aprovado
Skaf propõe ajuste fiscal sem aumento de impostos a Temer Manifestantes pró e contra impeachment entram em conflito na Avenida Paulista
A briga começou após troca de insultos entre militantes em frente Edifício Gazeta, próximo à sede da Fiesp.
Grupo protesta contra Temer no entorno do Palácio do Jaburu

 EDIÇÃO IMPRESSA

Clique aqui
para ler a edição
do dia e edições
anteriores
do JC.


 
para folhear | modo texto
» Corrigir
Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.
Nome:
Email:
Mensagem:
» Indique esta matéria
[FECHAR]
Para enviar essa página a um amigo(a), preencha os campos abaixo:
De:
Email:
Amigo:
Email:
Mensagem:
 
» Comente esta notícia
[FECHAR]
  Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.  
  Nome:  
  Email:    
  Cidade:    
  Comentário:    
500 caracteres restantes
 
Autorizo a publicação deste comentário na edição impressa.
 
Digite o resultado
da operação matemática
neste campo