Porto Alegre, domingo, 03 de abril de 2016. Atualizado às 22h23.
PREVISÃO DO TEMPO
PORTO ALEGRE AMANHÃ
AGORA
23°C
33°C
22°C
previsão do tempo
COTAÇÃO DO DÓLAR
em R$ Compra Venda Variação
Comercial 3,5600 3,5620 0,97%
Turismo/SP 3,5800 3,7700 0,53%
Paralelo/SP 3,5800 3,7700 0,53%
mais indicadores
Página Inicial | Opinião | Economia | Política | Geral | Internacional | Esportes | Cadernos | Colunas | GeraçãoE
ASSINE  |   ANUNCIE  |   ATENDIMENTO ONLINE
COMENTAR CORRIGIR ENVIAR imprimir IMPRIMIR
Palavra do Leitor Roberto Brenol Andrade


Palavra do Leitor

Notícia da edição impressa de 04/04/2016

Bolsa Família

Os comerciais de TV da Caixa Econômica Federal são, no mínimo, curiosos. Neles, os atores dizem que as pessoas inscritas no programa Bolsa Família podem, agora, receber o benefício por meio de uma conta poupança na Caixa, não precisando mais sacar o dinheiro todo de uma vez, e que o saldo que permanecer na conta, por mais de um mês, será remunerado. Eu sempre tive a noção de que o Bolsa Família era destinado a pessoas pobres, com baixíssimos ganhos, ou em situação de extrema pobreza, e que o valor variava entre R$ 77,00 e R$ 340,00 mensais. Confesso que estou querendo saber como está acontecendo este milagre. Como os beneficiários desse programa conseguirão manter o dinheiro na poupança? Conforme dados do Banco Central, em janeiro deste ano, as retiradas superaram os depósitos em R$ 12,03 bilhões. Indiscutivelmente, o Bolsa Família tem os seus méritos sociais, mas peca na fiscalização dos cadastros e na distribuição dos recursos, permitindo muitas fraudes. Essa dependência das pessoas por um valor que pode se chamar de verdadeira "merreca" não tira ninguém da pobreza e muito menos garante algum saldo para ser aplicado na poupança. Isto se chama enganação. Ou será que esse milagre existe? Qual seria o santo? (Vítor Bley de Moraes, jornalista)
TCE
Há muito que se questiona a forma equivocada pela qual são indicados os conselheiros do Tribunal de Contas do Estado (TCE), não obstante ela estar ao abrigo da regra constitucional. Finalmente está engrossando o coro dos cidadãos que enxergam o verdadeiro absurdo que é o da indicação de políticos para a referida função. A manifestação do presidente da Associação dos Servidores do Tribunal de Contas, publicada no Jornal do Comércio em 17/03/2016, se refere a esta questão e resume, a meu ver, com muito acerto e coerência, o que o bom senso nos assopra. Sabe-se que o TCE vem sendo "cabide de emprego" para muitos políticos em final de carreira. Não quero dizer que um deputado não esteja eventualmente preparado para exercer a função de conselheiro, e sim que a sua cor e militância partidárias conflitam com o cargo que ele irá assumir como conselheiro. É igualmente flagrante o forte corporativismo que reina no Legislativo para manter este status quo. (José Mariano Bersch Porto Alegre)
Polícia
Parabéns à Polícia e à Brigada Militar. Com todas as dificuldades operacionais, estão prendendo quadrilhas inteiras de ladrões. Aqui em Porto Alegre, com chaves falsas, chamadas pela bandidagem de "michas", estão entrando em carros populares e roubando estepes e rádios, em pleno horário comercial. Bem vestidos, "trabalham" sem a menor cerimônia e levam o que furtaram para outro carro, enquanto elemento do grupo fica na calçada oposta, disfarçando e cuidando. No bairro Rio Branco, eles têm furtado demais. Às vezes às 13h, mesmo com o movimento de entrada e saída do Colégio Americano. (Luis Ferreira, Porto Alegre)
COMENTÁRIOS
Deixe seu comentário sobre este texto.



DEIXE SEU COMENTÁRIO CORRIGIR ENVIAR imprimir IMPRIMIR
LEIA TAMBÉM
Impeachment
Todos os operadores do Direito que conhecem o papel da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB), que se formaram e fizeram seu juramento de formatura, sabem que nos termos da Lei nº 8.906/94
Buracos
Ainda bem que a prefeitura, através da Smov, fará a cobertura dos buracos que infestam Porto Alegre, e em zonas valorizadas
Insegurança
Boa a matéria Alta da criminalidade afeta o varejo gaúcho, sobre insegurança no Centro de Porto Alegre
Viver a vida a pé
Porto Alegre é uma metrópole feia. Não por carecer de belos pontos turísticos, mas porque grande parte da população, lamentavelmente, troca pernas por carros

 EDIÇÃO IMPRESSA

Clique aqui
para ler a edição
do dia e edições
anteriores
do JC.


 
para folhear | modo texto
» Corrigir
Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.
Nome:
Email:
Mensagem:
» Indique esta matéria
[FECHAR]
Para enviar essa página a um amigo(a), preencha os campos abaixo:
De:
Email:
Amigo:
Email:
Mensagem:
 
» Comente esta notícia
[FECHAR]
  Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.  
  Nome:  
  Email:    
  Cidade:    
  Comentário:    
500 caracteres restantes
 
Autorizo a publicação deste comentário na edição impressa.
 
Digite o resultado
da operação matemática
neste campo