Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, quarta-feira, 04 de maio de 2016. Atualizado às 19h44.

Jornal do Comércio

JC Logística

COMENTAR | CORRIGIR

Mobilidade

Notícia da edição impressa de 05/05/2016. Alterada em 04/05 às 19h44min

Para técnicos, simuladores melhoram os motoristas

Aluno só vai para a rua após treinamento assistido nas salas da escola

Aluno só vai para a rua após treinamento assistido nas salas da escola


JONATHAN HECKLER/JC
Todos os candidatos à obtenção da Carteira Nacional de Habilitação (CNH) realizam, obrigatoriamente, aulas em simuladores de direção veicular. A alteração surgiu a partir da identificação da necessidade de evolução no processo de formação de condutores no Brasil, visando à redução no número de acidentes e mortes no trânsito e o aumento na segurança para motoristas, ciclistas, pedestres e todos aqueles que estão, diariamente, expostos nas ruas.
Passados quase cinco meses do início da obrigatoriedade em nível nacional, especialistas e líderes do setor de trânsito opinam sobre a importância do uso dos simuladores para os futuros motoristas. Segundo Roberta Torres, especialista em segurança, educação no trânsito e formação de condutores, o uso dos aparelhos contribuirá para que o aluno vá para a prática de direção mais bem preparado.
CONTINUE LENDO ESTA NOTÍCIA EM NOSSA EDIÇÃO PARA FOLHEAR
CLIQUE AQUI PARA ACESSAR
COMENTAR | CORRIGIR
Comentários
Seja o primeiro a comentar esta notícia