Porto Alegre, segunda-feira, 21 de março de 2016. Atualizado às 08h02.
PREVISÃO DO TEMPO
PORTO ALEGRE AMANHÃ
AGORA
21°C
29°C
22°C
previsão do tempo
COTAÇÃO DO DÓLAR
em R$ Compra Venda Variação
Comercial 3,5810 3,5830 1,88%
Turismo/SP 3,6100 3,7700 0,78%
Paralelo/SP 3,6100 3,7700 0,78%
mais indicadores
Página Inicial | Opinião | Economia | Política | Geral | Internacional | Esportes | Cadernos | Colunas | GeraçãoE
ASSINE  |   ANUNCIE  |   ATENDIMENTO ONLINE
COMENTAR CORRIGIR ENVIAR imprimir IMPRIMIR

Direitos humanos Notícia da edição impressa de 21/03/2016. Alterada em 21/03 às 08h02min

Porto Alegre ganha Plano Municipal do Idoso

O Plano Municipal do Idoso será lançado hoje à tarde pela prefeitura. O documento possui 64 metas, distribuídas em 14 órgãos, oito programas estratégicos e oito eixos temáticos. O plano servirá como base para o controle social de projetos e ações voltadas para os idosos na Capital realizadas até 2018.
O processo de confecção das diretrizes teve a parceria da sociedade civil com o poder público, reunindo a Secretaria Municipal de Direitos Humanos (SMDH), através da Secretaria Adjunta do Idoso, o Conselho Municipal do Idoso e outras 14 pastas da prefeitura. Entre as ações do Plano Municipal do Idoso, destacam-se a ampliação do número de atendimentos a idosos no Serviço de Convivência e Fortalecimento de Vínculos e no Centro Dia, além da oferta de atendimento especializado às pessoas idosas com grau de dependência, a alfabetização de idosos, a execução de rebaixos de calçadas em ruas e praças da cidade, a contratação de geriatras e o atendimento domiciliar à pessoa idosa através da ampliação do Programa Melhor em Casa.
Segundo o secretário municipal de Direitos Humanos, Luciano Marcantônio, existe uma necessidade de fomentar as políticas públicas para idosos. "Unindo ações entre governo e sociedade civil, precisamos garantir que essa população, que cresce cada vez mais na Capital, tenha um espaço mais digno na sociedade", afirma.
O Plano Municipal do Idoso era reivindicado há 20 anos pela sociedade civil. "Este documento reflete o olhar da prefeitura de Porto Alegre para as políticas públicas voltadas à população idosa", pondera o secretário adjunto do Idoso, André Canal.
COMENTÁRIOS
Deixe seu comentário sobre este texto.



DEIXE SEU COMENTÁRIO CORRIGIR ENVIAR imprimir IMPRIMIR
LEIA TAMBÉM
Secretário Faccioli defende criminalização de homicídios motivados por homofobia
Falta de identificação gera sofrimento a crianças negras TRT4 conscientiza sobre igualdade de gênero ONU critica aprovação do projeto da Lei Antiterrorismo no Congresso brasileiro
A Organização das Nações Unidas (ONU) criticou a aprovação do projeto da Lei Antiterrorismo pelo Congresso brasileiro

 EDIÇÃO IMPRESSA

Clique aqui
para ler a edição
do dia e edições
anteriores
do JC.


 
para folhear | modo texto
» Corrigir
Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.
Nome:
Email:
Mensagem:
» Indique esta matéria
[FECHAR]
Para enviar essa página a um amigo(a), preencha os campos abaixo:
De:
Email:
Amigo:
Email:
Mensagem:
 
» Comente esta notícia
[FECHAR]
  Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.  
  Nome:  
  Email:    
  Cidade:    
  Comentário:    
500 caracteres restantes
 
Autorizo a publicação deste comentário na edição impressa.
 
Digite o resultado
da operação matemática
neste campo