Porto Alegre, quarta-feira, 03 de fevereiro de 2016. Atualizado às 23h31.
PREVISÃO DO TEMPO
PORTO ALEGRE AMANHÃ
AGORA
23°C
31°C
20°C
previsão do tempo
COTAÇÃO DO DÓLAR
em R$ Compra Venda Variação
Comercial 3,9180 3,9200 1,70%
Turismo/SP 3,8500 4,1500 0,95%
Paralelo/SP 3,8500 4,1500 0,95%
mais indicadores
Página Inicial | Opinião | Economia | Política | Geral | Internacional | Esportes | Cadernos | Colunas | GeraçãoE
ASSINE  |   ANUNCIE  |   ATENDIMENTO ONLINE
COMENTAR CORRIGIR ENVIAR imprimir IMPRIMIR

Assembleia Legislativa Notícia da edição impressa de 04/02/2016. Alterada em 03/02 às 22h46min

Parlamento gaúcho tem primeira mulher a assumir comando

ANTONIO PAZ/JC
No discurso de posse, deputada lembrou os obstáculos enfrentados pelas mulheres cotidianamente

Fernanda Nascimento

A deputada estadual Silvana Covatti (PP) foi empossada, ontem, como presidente da Assembleia Legislativa, pelo período de um ano. Em 180 anos de história, esta será a primeira vez em que o Parlamento estadual gaúcho terá o comando de uma mulher. Para enfatizar a importância do momento para o crescimento da participação feminina na política, Silvana fez um discurso permeado por referências aos obstáculos enfrentados pelas mulheres. E se disse "determinada em honrar principalmente as mulheres que represento, as mulheres que nem sempre têm sua importância coletiva".
A posse da nova presidente ocorreu em uma sessão solene bastante disputada e com galerias lotadas. Autoridades políticas, militares e religiosas compareceram ao ato, assim como familiares e lideranças de sua base eleitoral, no Norte do Estado. A cerimônia começou com a renúncia de Edson Brum (PMDB), que pelo regimento interno tem um mandato de dois anos - reduzida para um ano pelo acordo pluripartidário realizado no início da legislatura, que estabelece um rodízio para a presidência. Em seu discurso, Brum agradeceu a contribuição de todos e apresentou um balanço da gestão.
Na eleição para a composição da nova Mesa Diretora, que além de Silvana tem outros seis membros titulares, a chapa liderada pela integrante do PP não foi eleita por unanimidade: Pedro Ruas (P-Sol) votou contra, por não concordar com o acordo de rodízio para a presidência. Aclamada pelos demais colegas, Silvana subiu à mesa da presidência acompanhada das sete mulheres parlamentares presentes na sessão.
"Não chego aqui por favorecimento, tampouco ungida por qualquer tipo de concessão a um mulher, mas, sim, por reivindicar, num caminho de renúncia, perseverança e determinação ao trabalho, a plenitude da minha cidadania", iniciou. Ao apresentar alguns dados sobre a sub-representação das mulheres na sociedade e na política como o fato de o voto feminino ter sido estabelecido em 1932, e a primeira parlamentar estadual gaúcha ter sido eleita somente em 1951, Suely de Oliveira , falou da necessidade de maior inclusão. "Na vida, o caminho é difícil a todos. Mas convenhamos: é bem mais difícil para as mulheres."
Silvana se comprometeu a ter como diretrizes de gestão a participação, a igualdade e a gestão. "Defendo um ano legislativo em que se preze pela harmonia entre os poderes. Mas serei firme nos momentos em que se impuserem decisões que competem à presidência de maneira indelegável", afirmou. Em entrevista coletiva após a cerimônia, a deputada afirmou que prezará pelo "diálogo" com manifestantes e servidores públicos - que tiveram acesso às galerias da Casa restritos, no ano passado - e que buscará aprimorar os mecanismos de transparência para evitar desvios de recursos, como os que culminaram na investigação de dois parlamentares.
De acordo com o rodízio da presidência, o próximo comandante do Legislativo será Edegar Pretto (PT) e, em 2018, Marlon Santos (PDT).

Mesa Diretora 2016-2017


  • Presidente: Silvana Covatti (PP)
  • Vice-presidente: Adilson Troca (PSDB)
  • 2º Vice-presidente: Álvaro Boesio (PMDB)
  • 1º Secretário: Zé Nunes (PT)
  • 2ª Secretária: Juliana Brizola (PDT)
  • 3º Secretário: Marcelo Moraes (PTB)
  • 4ª Secretária: Liziane Bayer (PSB)
COMENTÁRIOS
Deixe seu comentário sobre este texto.



DEIXE SEU COMENTÁRIO CORRIGIR ENVIAR imprimir IMPRIMIR
LEIA TAMBÉM
Deputado Jardel deve quebrar silêncio em subcomissão de Ética Silvana Covatti é primeira presidente mulher na história da AL Concessão de rodovias e projetos sobre servidores serão prioridade na pauta da Casa Brum apresenta balanço da sua gestão na presidência da Casa

 EDIÇÃO IMPRESSA

Clique aqui
para ler a edição
do dia e edições
anteriores
do JC.


 
para folhear | modo texto
» Corrigir
Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.
Nome:
Email:
Mensagem:
» Indique esta matéria
[FECHAR]
Para enviar essa página a um amigo(a), preencha os campos abaixo:
De:
Email:
Amigo:
Email:
Mensagem:
 
» Comente esta notícia
[FECHAR]
  Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.  
  Nome:  
  Email:    
  Cidade:    
  Comentário:    
500 caracteres restantes
 
Autorizo a publicação deste comentário na edição impressa.
 
Digite o resultado
da operação matemática
neste campo