Porto Alegre, quarta-feira, 17 de fevereiro de 2016. Atualizado às 08h31.
PREVISÃO DO TEMPO
PORTO ALEGRE AMANHÃ
AGORA
26°C
35°C
24°C
previsão do tempo
COTAÇÃO DO DÓLAR
em R$ Compra Venda Variação
Comercial 4,0690 4,0710 1,85%
Turismo/SP 3,7500 4,1900 1,69%
Paralelo/SP 3,7500 4,1900 1,69%
mais indicadores
Página Inicial | Opinião | Economia | Política | Geral | Internacional | Esportes | Cadernos | Colunas | GeraçãoE
ASSINE  |   ANUNCIE  |   ATENDIMENTO ONLINE
COMENTAR CORRIGIR ENVIAR imprimir IMPRIMIR
De Olho na tevê Carlos Pires de Miranda


De Olho na tevê

Notícia da edição impressa de 17/02/2016

Vacinado?

Um jogo que merecia ter perdido, mas venceu (contra o Coritiba) e outro em que, ao natural, tomou inacreditáveis 2 a 0 do São José, trouxeram o Grêmio a uma realidade que, ano passado, ficou esquecida. Com essas lições na bagagem, o time chegou ao México e hoje, à meia-noite, enfrenta o Toluca precisando provar que não está na Libertadores a passeio. Dizem que Gauchão serve como laboratório, certo? Pois os tricolores misturaram petulância com mau desempenho e o resultado foi essa implosão futebolística. Servindo como lição, já estará bom.
Mais do mesmo
Pois é, em noite de vários bons jogos de Libertadores, vamos encarar o Inter contra o Avaí, que disputam a "Copa Fraquinha Mas Necessária", também conhecida como Primeira Liga. Os catarinenses vêm de vitória, o Inter, de mais um vexame: o empate de domingo proporcionou ao Aimoré o primeiro pontinho, em quatro jogos pelo "Gauchão Sem Charme Algum". A propósito, o visual do estádio era lamentável: arquibancadas maltratadas e vazias, um matagal atrás de uma goleira. E lembro que os cronistas, na época de sua inauguração, o chamavam de Monumental do Cristo Rei...
Dois pesos e duas medidas
Grêmio e Inter podem estar desinteressados, mas isso não deslustra campanhas como as de Juventude e São José, fulgurantes líder e vice-líder do Gauchão. Não acredito que tal supremacia dure muito, até pela abissal diferença de receitas em relação à dupla - só da tevê, cada um leva quase cinco vezes mais do que qualquer dos clubes do Interior. No Brasileirão, Grêmio e Inter protestam por receberem bem menos do que rivais mais importantes no mercado; aqui no estadual, acham que é um critério justo.
Gol contra
No momento em que os clubes brasileiros procuram adequar suas finanças à realidade do País, surgem exceções: o Grêmio ajuizadamente desistiu de Robinho, (coisa que o Atlético-MG não fez), arranjou um mecenas e trouxe Bolaños, por custos perfeitamente cabíveis em sua folha salarial. O Inter parecia andar sonhando além das chinelas, ao pensar em Tevez. O maldoso boato foi prontamente desmentido pelo presidente, mas o mal estava feito: agora, como entusiasmar o torcedor se chegar algum reforço ajustado ao tamanho dos cofres colorados?
Pitacos
Atlético-PR finaliza aplicação de piso sintético em sua remodelada arena. O mesmo promete fazer com os gramados de seu CT. Desvantagem para os adversários. *** A propósito de gramado artificial, enquanto joguei recém se cogitava usá-lo para o futebol. Ainda bem: tenho a sensação de que, como goleiro, sairia com joelhos e cotovelos lixados pelo atrito. *** A Globo abusa: assim como o SporTV, vai fazer ao vivo cinco partidas do Corinthians na atual fase da Libertadores. Só não transmitem a sexta porque a cada etapa a Fox tem a exclusividade de um jogo, assegurada por contrato. *** Dreamland, museu de cera de Gramado, completou o trio de craques em seu acervo: a Messi e Neymar, veio juntar-se a figura de Cristiano Ronaldo.
COMENTÁRIOS
Deixe seu comentário sobre este texto.



DEIXE SEU COMENTÁRIO CORRIGIR ENVIAR imprimir IMPRIMIR
LEIA TAMBÉM
Providências indispensáveis
O mais importante o Grêmio já fez, renovou com Roger

 EDIÇÃO IMPRESSA

Clique aqui
para ler a edição
do dia e edições
anteriores
do JC.


 
para folhear | modo texto
» Corrigir
Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.
Nome:
Email:
Mensagem:
» Indique esta matéria
[FECHAR]
Para enviar essa página a um amigo(a), preencha os campos abaixo:
De:
Email:
Amigo:
Email:
Mensagem:
 
» Comente esta notícia
[FECHAR]
  Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.  
  Nome:  
  Email:    
  Cidade:    
  Comentário:    
500 caracteres restantes
 
Autorizo a publicação deste comentário na edição impressa.
 
Digite o resultado
da operação matemática
neste campo