Porto Alegre, segunda-feira, 11 de janeiro de 2016. Atualizado às 21h29.
PREVISÃO DO TEMPO
PORTO ALEGRE AMANHÃ
AGORA
27°C
32°C
20°C
previsão do tempo
COTAÇÃO DO DÓLAR
em R$ Compra Venda Variação
Comercial 4,0500 4,0520 0,29%
Turismo/SP 3,7000 4,2100 0,47%
Paralelo/SP 3,7000 4,2100 0,47%
mais indicadores
Página Inicial | Opinião | Economia | Política | Geral | Internacional | Esportes | Cadernos | Colunas | GeraçãoE
ASSINE  |   ANUNCIE  |   ATENDIMENTO ONLINE
COMENTAR CORRIGIR ENVIAR imprimir IMPRIMIR

comércio exterior Notícia da edição impressa de 12/01/2016. Alterada em 11/01 às 22h27min

Ano se encerra com recuperação para calçadistas

JOÃO MATTOS/JC
Rio Grande do Sul foi estado que mais vendeu pares no período

Conforme dados elaborados pela Associação Brasileira das Indústrias de Calçados (Abicalçados), em dezembro de 2015, o embarque de 17,6 milhões de pares gerou US$ 119,57 milhões, resultado 60% superior ao auferido em novembro (US$ 74,68 milhões) e 0,3% melhor do que o registro do mesmo mês de 2014 (US$ 119,24 milhões). Com isso, 2015 fechou com o embarque de 124 milhões de pares por US$ 960,4 milhões, quedas de 4,2% em volume e 10% em receita na relação com 2014.
As importações também caíram. Com o dólar valorizado, os produtos importados ficaram menos competitivos no varejo nacional, o que ajudou as produtoras brasileiras de calçados. "Talvez tenha sido a notícia mais positiva do ano", avalia o presidente executivo da Abicalçados, Heitor Klein. No ano passado, entraram no Brasil 33,26 milhões de pares por US$ 481 milhões, números inferiores 9,6% em volume e 14,3% em dólares na relação com 2014.
Para o dirigente da Abicalçados, os resultados de dezembro eram previstos em função do câmbio. "O dólar valorizado teve reflexos no final do ano, quando chegaram os pares negociados com um câmbio mais favorável, no segundo semestre", comenta. Segundo Klein, o movimento deve continuar ao longo de 2016, com o incremento gradual das exportações de calçados. "Podemos imaginar que seja o início de uma recuperação gradual rumo aos US$ 2 bilhões em exportações", aponta, ressaltando que esse era o valor registrado nos anos pré-crise, em 2007 e 2008.
O principal exportador de calçados do Brasil em 2015 foi o Rio Grande do Sul. No ano passado, os gaúchos exportaram 20,47 milhões de pares que geraram US$ 370 milhões, 4,4% menos do que em 2014.
COMENTÁRIOS
Deixe seu comentário sobre este texto.



DEIXE SEU COMENTÁRIO CORRIGIR ENVIAR imprimir IMPRIMIR
LEIA TAMBÉM
Balança tem o melhor saldo anual desde 2011 Balança comercial registra em 2015 melhor superávit em 4 anos Exportação de manufaturados deverá cair
De janeiro a novembro, o valor da média diária exportada acumula retração de 8,9% em relação ao ano passado

 EDIÇÃO IMPRESSA

Clique aqui
para ler a edição
do dia e edições
anteriores
do JC.


 
para folhear | modo texto
» Corrigir
Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.
Nome:
Email:
Mensagem:
» Indique esta matéria
[FECHAR]
Para enviar essa página a um amigo(a), preencha os campos abaixo:
De:
Email:
Amigo:
Email:
Mensagem:
 
» Comente esta notícia
[FECHAR]
  Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.  
  Nome:  
  Email:    
  Cidade:    
  Comentário:    
500 caracteres restantes
 
Autorizo a publicação deste comentário na edição impressa.
 
Digite o resultado
da operação matemática
neste campo