Porto Alegre, terça-feira, 12 de janeiro de 2016. Atualizado às 21h34.
Aniversário da Caixa Econômica Federal.
PREVISÃO DO TEMPO
PORTO ALEGRE AMANHÃ
AGORA
28°C
28°C
20°C
previsão do tempo
COTAÇÃO DO DÓLAR
em R$ Compra Venda Variação
Comercial 4,0440 4,0460 0,14%
Turismo/SP 3,7000 4,2400 0,71%
Paralelo/SP 3,7000 4,2400 0,71%
mais indicadores
Página Inicial | Opinião | Economia | Política | Geral | Internacional | Esportes | Cadernos | Colunas | GeraçãoE
ASSINE  |   ANUNCIE  |   ATENDIMENTO ONLINE
COMENTAR CORRIGIR ENVIAR imprimir IMPRIMIR
Painel Econômico Danilo Ucha


Painel Econômico

Notícia da edição impressa de 13/01/2016

Ovinocultura voltou a interessar os gaúchos

MARCOS NAGELSTEIN
Começaram as feiras de ovinos de verão em todo o Estado

A criação de ovelhas, que já foi uma grande riqueza no Rio Grande do Sul, no século passado, voltou a crescer e a interessar criadores e investidores. De acordo com o Programa Juntos para Competir, da Farsul, Senar-RS e Sebrae-RS, no cardápio das tendências gastronômicas para chefs de cozinha mundo afora, a carne de cordeiro recebe um tratamento diferenciado. Seu paladar marcante e, ao mesmo tempo, aberto ao leque de harmonizações variadas com bebidas são grandes atrativos. A produção de lã natural e a sua qualidade exaltada no mundo da moda, que andou em queda, no final do século passado, agora voltou a despertar interesse nos grandes mercados da Europa.

Ovinocultura II

Na lista dos caçadores de valor agregado e inovação, esses são apenas dois dos olhares possíveis para a ovinocultura e suas possibilidades de negócios agroindustriais. É exatamente nesse contexto que passaram a trabalhar produtores, gestores, técnicos, pesquisadores e empreendedores comprometidos com o desenvolvimento econômico gaúcho. Os resultados são positivos. Mais do que isso, são promissores, garantem os dirigentes do Juntos para Competir. O rebanho gaúcho, que caiu de 13 milhões de cabeças para apenas 2 milhões, voltou a crescer e já é de 4,2 milhões, transformando o Rio Grande do Sul em ponto atraente para investimentos nesse segmento. O programa garante incentivo, capacitações e até consultorias para melhorias de gestão, integração, qualidade, melhoramento de produto, pesquisa e inovação.
 

Ovinocultura III

No século XX, os amantes da ovinocultura diziam que ela pagava as despesas da fazenda e se davam satisfeitos com isso. Agora, não só paga as despesas, como dá lucro, pois está valendo mais do que o boi. Um quilo de boi vivo vale R$ 5,30, um quilo vivo de cordeiro, R$ 5,95 (já chegou a R$ 7,00). E o retorno do ovino é bem mais rápido do que o do boi no campo. Neste momento, o Rio Grande do Sul vive as feiras de verão de ovinos em várias cidades como Dom Pedrito, Pinheiro Machado, Santana do Livramento, Bagé. É boa oportunidade para conhecer a atividade.
 

Imperial

A CI Empresa de Intercâmbio e Viagem montou um programa específico para turistas que apreciam lugares com realezas e imperadores. São nove dias por Bratislava (Eslováquia), Viena (Áustria) e Praga (República Checa). Inclui transporte, hospedagem e passeios, segundo Flora Bestetti, supervisora da região Sul da CI.
 

Aposentadoria

O leitor Ricardo Heurich, diretor da Concisa, comentou as informações de Jane Berwanger, presidente do Instituto Brasileiro de Direito Previdenciário, sobre aposentadorias. Diz que "o Brasil é o único país que não tem idade mínima para aposentadoria", que "os argumentos de receita 'possível', ainda que remotamente corretos, para a atualidade, são totalmente incompatíveis com a realidade demográfica de uma população com expectativa de vida crescendo rapidamente e a taxa de natalidade decrescendo." Em sua opinião, "aposentadorias precoces são uma praga brasileira por dois motivos: 1) tira dinheiro a ser investido em saúde, infraestrutura e criação de renda; 2) aposentadoria faz mal para as pessoas, a atividade é positiva e faz bem!".
 

Eventos

A Associação Brasileira de Empresas de Eventos - Abeoc Brasil está trazendo o primeiro curso na América do Sul da PCMA - Professional Convention Management Association, instituição internacional de qualificação e preparação para a certificação de profissionais de eventos. O curso acontecerá nos dias 28 e 29 de abril, no Hotel Hilton, no Rio de Janeiro, e o instrutor enviado pela PCMA ao Brasil será Eduardo Chaillo, CEO da Global Meetings & Tourism Specialists, profissional mexicano que é referência internacional no mercado de eventos.
 

Executivos hospitalares

O superintendente executivo do Sistema de Saúde Mãe de Deus, Alceu Alves da Silva, ingressou no recém-lançado Colégio Brasileiro de Executivos da Saúde (Cebex), fundado para criar uma classe de executivos hospitalares diferenciados e capacitar e desenvolver novos profissionais para o setor. Ingressou como associado fellow, honraria concedida pelo conselho do Cebex a 60 profissionais de todo o Brasil que se destacam na área da Saúde por sua história e atuação como associados plenos (fellow). O líder da Cebex é o presidente do Conselho de Administração da Associação Nacional de Hospitais Privados (Anahp), Francisco Balestrin.
 

Mínimo regional

"Não adianta atirar o problema no colo do governador." A frase é do governador José Ivo Sartori (PMDB), insistindo que o índice de aumento do salário-mínimo regional deveria ser acertado entre trabalhadores e empresários. Mas, descrente de tal acordo, conclui: "Já sei que vai cair no colo do governador!". Ele pretende divulgar o índice no final deste mês, para valer em fevereiro.
 

Hambúrguer

A Excelsior Alimentos lançou, na sua linha Pães e Empanados, o Hambúrguer Excelsior. À venda é em embalagem unitária de 56g, no balcão de congelados dos pontos de venda.
 

O Dia

  • Entre os dias 14 e 17 de janeiro, o BarraShoppingSul irá promover quatro dias de ofertas especiais com a tradicional liquidação do Lápis Vermelho. Descontos de até 70%.
  • Começou a circular a segunda edição da revista Gobeauty, da rede Hugo Beauty de salões de beleza.
  • A Associação Brasileira de Sommeliers-RS abriu inscrições para curso de sommeliers profissionais. Informações em www.absrs.com.br, e-mail [email protected] ou telefone (54) 3453-3761.

COMENTÁRIOS
Deixe seu comentário sobre este texto.



DEIXE SEU COMENTÁRIO CORRIGIR ENVIAR imprimir IMPRIMIR
LEIA TAMBÉM
Movimento contra a CPMF
Com a recriação da CPMF, o governo espera arrecadar R$ 32 bilhões em 2016, usando-os para equilibrar as contas públicas
Nova oportunidade para desenvolver Rio Grande O ano da exportação no Rio Grande do Sul Procuradoria aumentará combate a sonegadores

 EDIÇÃO IMPRESSA

Clique aqui
para ler a edição
do dia e edições
anteriores
do JC.


 
para folhear | modo texto
» Corrigir
Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.
Nome:
Email:
Mensagem:
» Indique esta matéria
[FECHAR]
Para enviar essa página a um amigo(a), preencha os campos abaixo:
De:
Email:
Amigo:
Email:
Mensagem:
 
» Comente esta notícia
[FECHAR]
  Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.  
  Nome:  
  Email:    
  Cidade:    
  Comentário:    
500 caracteres restantes
 
Autorizo a publicação deste comentário na edição impressa.
 
Digite o resultado
da operação matemática
neste campo