Porto Alegre, terça-feira, 15 de dezembro de 2015. Atualizado às 22h02.
PREVISÃO DO TEMPO
PORTO ALEGRE AMANHÃ
AGORA
24°C
33°C
20°C
previsão do tempo
COTAÇÃO DO DÓLAR
em R$ Compra Venda Variação
Comercial 3,8730 3,8750 0,33%
Turismo/SP 3,7000 4,0700 1,21%
Paralelo/SP 3,7000 4,0700 1,21%
mais indicadores
Página Inicial | Opinião | Economia | Política | Geral | Internacional | Esportes | Cadernos | Colunas | GeraçãoE
ASSINE  |   ANUNCIE  |   ATENDIMENTO ONLINE
COMENTAR CORRIGIR ENVIAR imprimir IMPRIMIR

Inter Notícia da edição impressa de 16/12/2015. Alterada em 15/12 às 21h13min

Piffero celebra aumento no número de sócios

MARCELO G. RIBEIRO/JC
Presidente frisou dificuldade de renovar o contrato do goleiro Alisson

Deivison Ávila

O presidente do Inter, Vitorio Piffero, recebeu a imprensa gaúcha na manhã de ontem para apresentar um balanço da atual temporada e fazer uma projeção para 2016. O mandatário colorado e outros dirigentes esclareceram alguns pontos e divulgaram números atualizados do clube.
Mesmo conquistando apenas o Gauchão neste ano, o clube teve um aumento no número de sócios. No ano passado, eram 102.786 associados. Em 2015, este número aumentou em 10%, passando para 112.756, o que gera um lucro anual de R$ 66.284.749,00. Dentro do marketing, Piffero destacou a campanha RS Colorado, visando recrutar pelo menos um sócio em cada cidade do Estado. Até o momento, faltam apenas 13 municípios para o clube atingir sua meta.
O vice-presidente de finanças, Pedro Affatato, ressaltou que o Inter atingiu o equilíbrio financeiro, após receber algumas dívidas de herança da antiga gestão. Segundo o dirigente, foram quitados os compromissos imediatos, estabilizando as contas e colocando todos os pagamentos em dia. Affatato explicou que um empréstimo acordado há três meses facilitou a renegociação de débitos em atraso, diminuindo a taxa de juros, anteriormente bem elevada. Um dos pontos mais questionados pelo torcedor e especulados pela imprensa, a folha salarial foi detalhada pelo presidente colorado. O elenco profissional custa atualmente R$ 7.517.556,00 por mês, valor que deve ser reduzido na próxima temporada.
A partir desse corte de gastos, Piffero falou sobre o perfil dos novos contratados. "Não posso afirmar, agora, em quanto ficará a folha, mas certamente não vai aumentar. Vamos ter recursos para trazer novos jogadores, com um mínimo de investimento inicial. A nossa ideia é equilibrar a idade média do elenco, algo que não conseguimos neste ano. Tínhamos muitos atletas novos e outros mais velhos."
Quem tem futuro incerto no Inter é o goleiro Alisson. Após conquistar a titularidade na seleção brasileira, o jogador vem sendo procurado pela direção para ter seu vínculo ampliado, o que, de acordo com o presidente, não foi feito por entraves com o empresário do atleta, Zé Maria. O Inter detém 50% do passe, enquanto Zé Maria possui 40% e os outros 10% são do goleiro. "Nos foi pedido um valor proibitivo para o futebol brasileiro. A dificuldade imposta pelo empresário impossibilitou a renovação, ainda que o jogador afirme que jamais sairá sem deixar uma retribuição financeira ao clube", contou o presidente. Se a negociação for concretizada, Alisson ficará mais um tempo e logo seguirá para o futebol europeu. O destino deve ser Juventus ou Roma.

Volantes Fernando Bob e Fabinho são os primeiros reforços para a próxima temporada


RICARDO DUARTE/INTER/DIVULGAÇÃO/JC
Novos volantes colorados destacaram a oportunidade como a melhor de suas carreiras
A direção colorada apresentou ontem os dois primeiros reforços para 2016. Sem muito brilho e com a desconfiança do torcedor, os volantes Fernando Bob e Fabinho vestiram a camisa colorada e falaram sobre o melhor momento de suas carreiras. O vice-presidente de futebol Carlos Pellegrini e o diretor Celso Chamun recepcionaram os atletas na sala de imprensa. Pela manhã, eles realizaram os exames no CT do Parque Gigante.
Fabinho, de 29 anos, veio do Figueirense e já foi treinado pelo técnico Argel Fucks. "Em 2015, completei dez anos de carreira profissional. Creio que fui preparado para encarar um desafio grande como esse. O Inter é um grande clube, que dispensa comentários. Espero poder contribuir e, junto com meus companheiros, ter uma boa temporada", projetou.
Já Fernando Bob, que surgiu para o futebol no Fluminense, demorou para se destacar. Após passagens por diversos clubes, o volante de 27 anos teve nesta temporada um bom desempenho com a camisa da Ponte Preta. "Venho me preparando e estou pronto para esse desafio. Minha meta é conquistar títulos e vamos fazer de tudo para conquistar isso no ano que vem", disse.
COMENTÁRIOS
Deixe seu comentário sobre este texto.



DEIXE SEU COMENTÁRIO CORRIGIR ENVIAR imprimir IMPRIMIR

 EDIÇÃO IMPRESSA

Clique aqui
para ler a edição
do dia e edições
anteriores
do JC.


 
para folhear | modo texto
» Corrigir
Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.
Nome:
Email:
Mensagem:
» Indique esta matéria
[FECHAR]
Para enviar essa página a um amigo(a), preencha os campos abaixo:
De:
Email:
Amigo:
Email:
Mensagem:
 
» Comente esta notícia
[FECHAR]
  Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.  
  Nome:  
  Email:    
  Cidade:    
  Comentário:    
500 caracteres restantes
 
Autorizo a publicação deste comentário na edição impressa.
 
Digite o resultado
da operação matemática
neste campo