Porto Alegre, terça-feira, 10 de novembro de 2015. Atualizado às 21h22.
PREVISÃO DO TEMPO
PORTO ALEGRE AMANHÃ
AGORA
22°C
25°C
17°C
previsão do tempo
COTAÇÃO DO DÓLAR
em R$ Compra Venda Variação
Comercial 3,7900 3,7920 0,23%
Turismo/SP 3,6800 4,0000 0%
Paralelo/SP 3,6800 4,0000 0%
mais indicadores
Página Inicial | Opinião | Economia | Política | Geral | Internacional | Esportes | Cadernos | Colunas | GeraçãoE
ASSINE  |   ANUNCIE  |   ATENDIMENTO ONLINE
COMENTAR CORRIGIR ENVIAR imprimir IMPRIMIR

Saúde Notícia da edição impressa de 11/11/2015. Alterada em 10/11 às 20h54min

Congresso sobre diabetes reunirá 4 mil profissionais em Porto Alegre

CELSO PUPPO/SBD/DIVULGAÇÃO/JC
Tschiedel destaca aumento da obesidade

Isabella Sander

Porto Alegre nunca teve tantos especialistas em diabetes reunidos quanto terá nesta semana. São aguardados na Capital em torno de 4 mil profissionais do Brasil e do exterior para participarem, de hoje até sexta-feira, do XX Congresso da Sociedade Brasileira de Diabetes (SBD), o maior encontro sobre o tema na América Latina. As atividades ocorrerão no Centro de Convenções da Federação das Indústrias do Rio Grande do Sul (Fiergs). A programação completa pode ser encontrada em www.diabetes2015.com.br.
Segundo o presidente da SBD, Balduíno Tschiedel, o congresso receberá médicos, enfermeiros, nutricionistas, psicólogos e trabalhadores de outras áreas afins ao combate e tratamento da diabetes para apresentar o que há de mais inovador, tanto em pesquisa básica quanto clínica. "Queremos saber o que há de conhecimento já consolidado, para dar um 'upgrade' nos profissionais do setor", destaca.
Serão três dias de programação intensiva, que envolvem palestras, simpósios e mesas redondas com aproximadamente 350 palestrantes. Além disso, mais de 500 trabalhos científicos serão apresentados e, posteriormente, publicados nas revistas Diabetology & Metabolic Syndrome e Archives Endocrinology & Metabolism.
A diabetes tipo 2, causada pela obesidade e pelo sedentarismo, está em franca expansão no mundo inteiro. Hoje, 90% dos casos da enfermidade são de tipo 2. A SBD estima que 382 milhões de pessoas tenham diabetes no mundo. Em 20 anos, o número deve subir para 592 milhões. No Brasil, já são 14 milhões. Menos comum em crianças e adolescentes, o tipo 2 está aumentando nessa faixa etária também. "O Instituto da Criança com Diabetes, antigamente, atendia a 100% de casos do tipo 1, causado pelo ataque do sistema imunológico às células produtoras de insulina. Hoje, dos nossos 2,9 mil pacientes, o percentual de tipo 1 diminuiu para 95%", aponta Tschiedel.
O transtorno vem ocorrendo nas pessoas de até 20 anos devido à mudança de hábitos. "As pessoas têm comido um grande número de calorias vazias e gastam menos essas calorias, pois a atividade física está menor no dia a dia. As crianças não brincam mais na rua, e sim em casa, no computador e no videogame", observa o presidente da SBD. No Brasil, uma em cada três crianças de cinco a nove anos têm sobrepeso ou é obesa. O tipo 2 eleva as chances de infarto, acidente vascular cerebral, lesão renal, de retina e nervos periféricos.
A incidência do tipo 1 também tem aumentado, conforme Tschiedel. "Não se sabe por que, mas temos visto crescimento de 3% de casos ao ano. É curioso, pois trata-se de uma doença autoimune, e não ligada ao meio ambiente. Suspeitamos que seja algo relativo à questão alimentar, mas ainda não sabemos", afirma. O congresso será uma oportunidade de averiguar pesquisas sobre esse assunto feitas em outras partes do mundo.
COMENTÁRIOS
Deixe seu comentário sobre este texto.



DEIXE SEU COMENTÁRIO CORRIGIR ENVIAR imprimir IMPRIMIR
LEIA TAMBÉM
'É preciso desmitificar o autismo', diz especialista Laboratório do Estado testará 'pílula do câncer' Só uma casa foi liberada para ampliação do HPS Clínicas qualifica segmento de pesquisa em álcool e drogas
Centro de assistência e treinamento teve novas instalações inauguradas nesta quinta-feira

 EDIÇÃO IMPRESSA

Clique aqui
para ler a edição
do dia e edições
anteriores
do JC.


 
para folhear | modo texto
» Corrigir
Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.
Nome:
Email:
Mensagem:
» Indique esta matéria
[FECHAR]
Para enviar essa página a um amigo(a), preencha os campos abaixo:
De:
Email:
Amigo:
Email:
Mensagem:
 
» Comente esta notícia
[FECHAR]
  Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.  
  Nome:  
  Email:    
  Cidade:    
  Comentário:    
500 caracteres restantes
 
Autorizo a publicação deste comentário na edição impressa.
 
Digite o resultado
da operação matemática
neste campo