Marina é uma das mentoras da solução pensada para crianças Marina é uma das mentoras da solução pensada para crianças Foto: Fredy Vieira/JC

App identifica locais baby friendly

Baby Check-in será lançado em dezembro, em Porto Alegre

Com a chegada de um bebê, surgem novas preocupações. Qual a melhor pracinha para brincar? Qual restaurante possui fraldário? Que hotel conta com espaço kids? Dilemas assim poderão ser minimizados graças ao trabalho de duas gaúchas - Marina Beloray, 30 anos, e Ana Paula Prati, 29 - que criaram o Baby Check-in.
O app, cujo lançamento está marcado para 6 de dezembro, tem caráter colaborativo. A ideia é conectar pais de primeira viagem aos mais experientes na busca pelos melhores locais para sair com as crianças, principalmente as entre 0 e 5 anos. "Queremos funcionar como o Trip Advisor e o Foursquare: os pais mandarão fotos e avaliações sobre os locais que visitarem, ajudando outros a encontrarem lugares legais", explica Marina, formada em Design - assim como a sócia.
As duas não são mães, mas garantem, pela experiência de familiares, amigos e do próprio mercado de trabalho, que conseguir locais Baby Friendly é um desafio recorrente.
"Sempre quis ter meu negócio e já não encontrava satisfação no que eu trabalhava", diz Marina, que mora em Porto Alegre e tem experiência na área comercial de agência publicitária. "Mas eu também não queria sair do mercado para abrir qualquer coisa." O aporte inicial para o negócio foi de R$ 40 mil.
Elas já conseguiram dar vida ao site e garantiram a primeira versão do app, que estará disponível para iOS e Android. Nos primeiros seis meses, a intenção é consolidá-lo na capital gaúcha. Depois, em São Paulo. A meta é obter 500 mil usuários até junho de 2016.

Esperança mexicana

Foto: Luiz Meurer/Divulgação/JC
A monetização do Baby Check-in virá por anúncios. "O restaurante ou hotel pode investir para aparecer como primeira opção dos usuários", diz Marina. Em novembro, elas vão ao México na esperança de angariar investimentos no WeXChange 2015, evento que reúne empreendedoras da América Latina e investidores. O convite surgiu da Rede Mulher Empreendedora.
Compartilhe
Seja o primeiro a comentar

Publicidade
Mostre seu Negócio