Porto Alegre, quinta-feira, 24 de maio de 2018.
PREVISÃO DO TEMPO
PORTO ALEGRE AMANHÃ
AGORA
20°C
25°C
18°C
previsão do tempo
COTAÇÃO DO DÓLAR
em R$ Compra Venda Variação
Comercial 3,5920 3,5940 0,72%
Turismo/SP 3,5300 3,7400 1,63%
Paralelo/SP 3,5300 3,7400 1,63%
mais indicadores
Página Inicial | Opinião | Economia | Política | Geral / Internacional | Esportes | Cadernos | Colunas
ASSINE  |  ANUNCIE  | 
» Corrigir
Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.
Nome:
Email:
Mensagem:
776501
Repita o código
neste campo
 
» Indique esta matéria
[FECHAR]
Para enviar essa página a um amigo(a), preencha os campos abaixo:
De:
Email:
Amigo:
Email:
Mensagem:
776501
Repita o código
neste campo
 
 
» Comente esta notícia
[FECHAR]  
  Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.  
  Nome:  
  Email:    
  Cidade:    
  Comentário:    
500 caracteres restantes
 
Autorizo a publicação deste comentário na edição impressa.
 
776501
Repita o código
neste campo
 
 
imprimir IMPRIMIR

Artigo Notícia da edição impressa de 23/09/2013

Contas abertas no Conselho de Contabilidade

Salézio Dagostim

A Lei 12.527, de 18/11/2011 (Lei de Acesso à Informação), ao regular as normas constitucionais de publicidade, determinou que os órgãos públicos, as autarquias, as fundações públicas, as sociedades de economia mista e demais entidades controladas pelo poder público devem assegurar o direito fundamental de acesso à informação; e que esta informação deve ser franqueada de forma transparente, clara e em linguagem de fácil compreensão, sendo obrigatória a sua divulgação na internet. Os conselhos regionais e o Conselho Federal de Contabilidade (CFC) são autarquias, portanto, sujeitos ao cumprimento da Lei de Acesso à Informação. Dessa forma, o Conselho de Contabilidade, enquanto “guardião da profissão”, deveria ser o primeiro a dar exemplo, expondo suas contas à sociedade, para servir de modelo aos demais órgãos.

Entretanto, não é o que acontece. O Conselho de Contabilidade transformou as suas demonstrações contábeis, que já careciam de transparência, em Balanço Socioambiental (ainda mais despido de informações monetárias). Ou seja, as contas prestadas pelo Conselho Federal e pelos conselhos regionais dizem o que foi feito, só que os números não são divulgados, nem abertos ao público. O CFC diz que gastou em insumos adquiridos de terceiros, referente a serviços de terceiros, em 2012, R$ 19,4 milhões. A pergunta que se faz aqui é: “Quem recebeu este dinheiro?” E a resposta é uma incógnita. A Receita do CFC foi de R$ 46 milhões, para um conselho que gasta, para coordenar os conselhos regionais e organizar reuniões para edição de normas, em torno de R$ 3,8 milhões por mês.

Esperamos que este artigo desperte a atenção das autoridades, a fim de que se proceda uma investigação, obrigando o Conselho Federal e os conselhos regionais de Contabilidade a abrirem as suas contas ao público, dizendo onde os recursos foram aplicados, para que tenhamos uma gestão mais transparente, evitando a malversação dos recursos arrecadados.

Fundador e ex-presidente do Sindicato dos Contadores/RS

COMENTÁRIOS
Nenhum comentário encontrado.

imprimir IMPRIMIR
TEXTOS RELACIONADOS
Acorda, Brasil
A maré da indignação nacional, por força de suas vertentes naturais, rompeu os diques da tolerância popular e se espraiou com a violência de um tufão
O Dia Mundial do Turismo no Rio Grande
Domingo, dia 27 de setembro, será comemorado o "Dia Mundial do Turismo no Rio Grande do Sul"
Dilma: pague a compensação da Lei Kandir
Aprovada em 1996, a lei federal isenta o ICMS de produtos e serviços para exportação
Fusões & Aquisições, oportunidade e risco
Quatro vezes um é igual a um! Essa é ainda a matemática feita pelo investidor estrangeiro em relação ao Brasil