Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, quinta-feira, 08 de março de 2018.

Jornal do Comércio

Economia

COMENTAR | CORRIGIR

Indústria

Notícia da edição impressa de 09/03/2018. Alterada em 08/03 às 22h35min

Ritmo da Fimec sinaliza a retomada dos negócios

Visitantes conferiram as novidades para o setor coureiro-calçadista

Visitantes conferiram as novidades para o setor coureiro-calçadista


/FIMEC/DIVULGAÇÃO/JC
Carolina Hickmann
Se na edição passada a Feira Internacional de Couros, Produtos Químicos, Componentes, Máquinas e Equipamentos para Calçados e Curtumes (Fimec) sinalizou a retomada do segmento, a deste ano comprovou que o setor superou as adversidades. Em três dias, de 6 a 8, o evento reuniu profissionais do setor coureiro-calçadista em torno das novidades dos mais de 500 expositores na Fenac, em Novo Hamburgo.
O diretor-presidente da Fenac, Márcio Jung, lembra que, em 2017, o ritmo de fechamento de negócios não era tão célere. "Hoje, estamos vivendo um momento muito bom", avaliou, na tarde desta quinta-feira, último dia do evento. O ex-executivo da Arezzo conta que, em uma tarde, uma empresa de Santa Catarina que preferiu não ser identificada adquiriu 80 máquinas para lançar a sua linha na Bahia. "Aqui, ele pode escolher seus equipamentos e fechar negócios com facilidade", diz.
Com o mesmo entusiasmo, 100 máquinas de costura da Garudan do Brasil foram adquiridas na primeira tarde da mostra por um único comprador. "Fizemos promoção de 30% do valor deste produto para a Fimec, pensando no lucro pela quantidade", relata o diretor da empresa, Igor Ponath. Em cálculo rápido, o gestor comenta ter fechado a mostra com cerca de 350 destes equipamentos vendidos, sem contabilizar os demais modelos que não estavam em promoção.
No estande da FCC, que comercializa compostos para solas e adesivos, a procura era por suas novidades. Enquanto, no ano passado, a empresa trouxe à feira o composto à base de TVR, que prometia ser mais leve e resistente; neste ano, foi a vez de sua versão aperfeiçoada, o TVR 2.0, de outros 4 compostos e dois adesivos como lançamento. "O novo TVR é 5% mais leve que sua versão anterior e de mais fácil processamento", afirma o gerente comercial da FCC, André Müller, ao ressaltar que o produto é 35% mais leve que PVC.
A empresa investiu, nos últimos três anos, cerca de R$ 15 milhões em pesquisa e desenvolvimento, que culminaram no lançamento dos seis produtos. Além disso, participação da empresa na feira deste ano não ficou limitada somente ao posto de expositora, ao ser agraciada pelo prêmio Lançamentos Fimec 2018, na categoria Tecnologia para Componentes pela criação do TPU Verde, obtido a partir de fontes renováveis.
Já a tradicional fábrica-conceito da Fimec ganhou espaço de destaque ao ser montada a poucos metros da entrada principal da feira. São quatro linhas de montagem, fabricando três mil pares de sapato com matéria-prima de expositores do evento. O objetivo da ação, promovida por Fenac, Instituto Brasileiro de Tecnologia do Couro, Calçados e Artefatos (IBTeC), e Coelho Assessoria Empresarial, é apresentar ao visitante aplicabilidade dos processos tecnológicos e dos produtos que estão sendo expostos na feira.
A troca de espaço da fábrica não foi a única novidade para este ano. Esta foi a primeira edição em que a Fimec trouxe conteúdo através de palestras, programadas para as manhãs dos dias 6 e 7. O evento recebeu cerca de 600 pessoas e contou com a presença de nomes como Luana Lanzini, fashion designer e trendforcaster; e Luana Savadintzky, fashion directions; Alexandre Herchcovitch, estilista brasileiro; Claudia Bartelle, influencer e curadora fashion.
COMENTAR | CORRIGIR
Comentários
Seja o primeiro a comentar esta notícia