Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, segunda-feira, 05 de março de 2018.

Jornal do Comércio

Cultura

COMENTAR | CORRIGIR

artes visuais

Notícia da edição impressa de 06/03/2018. Alterada em 05/03 às 17h18min

Margs promove mais uma edição do Conversas com Artistas nesta terça-feira

Exposição Terramarear ganha lançamento de obra homônima durante o evento

Exposição Terramarear ganha lançamento de obra homônima durante o evento


MARGS/DIVULGAÇÃO/JC
Terça-feira é, tradicionalmente, o dia das Artes Visuais na capital dos gaúchos. O Margs -(Praça da Alfândega, s/nº) promove hoje mais uma edição do projeto Conversas com Artistas, além do lançamento do livro Terramarear, de Maristela Salvatori (Porto Alegre, 1960). O evento ocorre às 17h de hoje, no auditório do Margs, com entrada franca. Participam do bate-papo as artistas Maristela Salvatori e Icleia Cattani. Curadora da mostra homônima à publicação, que fica aberta até 11 de março, Paula Ramos está desenvolvendo uma pesquisa na Alemanha. 
A exposição apresenta uma antologia da produção da artista, reunindo 120 quadros produzidos ao longo dos últimos 30 anos: das gravuras em metal dos anos 1980, pautadas em fotografias de familiares e amigos em momentos de lazer no litoral; passando pela série Viagem de rio (1993), decorrente de um percurso de 10 dias, em uma chata, ao longo do Rio São Francisco; chegando às cenas de hangares, cais, construções monumentais, silenciosas e abandonadas em cidades visitadas por ela.
Entre os trabalhos mais recentes de Maristela Salvatori, estão montagens fotográficas em impressão digital. Para os que acompanham a sua poética, essas obras podem gerar surpresa, pois ela é reconhecida por sua pesquisa calcada nos processos da gravura. Desenvolvidas ao longo de 2012, as fotografias justapostas, formando uma estrutura de grade, apresentam temas e elementos que pautam a temática de Maristela. 
COMENTAR | CORRIGIR
Comentários
Seja o primeiro a comentar esta notícia