Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, terça-feira, 13 de março de 2018.

Jornal do Comércio

Colunas

COMENTAR | CORRIGIR
Fernando Albrecht

Começo de Conversa

Notícia da edição impressa de 13/03/2018. Alterada em 13/03 às 13h01min

Nós e os sírios

HASAN MOHAMED/AFP/JC
Nós e nossos problemas bem brasileiros, que não são poucos, não temos a mais pálida ideia de como é viver em um país dilacerado como a Síria. Empregamos exageradamente a palavra "crise", como se a nossa fosse a pior do mundo. Crise mesmo vive esse garoto, que puxa um carrinho com itens coletados em meio a destroços de edifícios destruídos em Douma, nos arredores de Damasco. Morrer de fome: isso, sim, que é crise.

Limpeza de área

É bem mais complexa do que se imagina a faxina que os empreendedores do Cais Mauá estão fazendo ao longo da faixa de 3,2 quilômetros na área portuária. Começou pelos tanques de combustível, passa pelo armazém que há anos era depósito de fertilizantes NPK (Nitrogênio, Fósforo, Potássio), em um local onde estavam depositados transformadores da CEEE. Com as contrapartidas, só na Fase 1, o investimento chegará a R$ 140 milhões.

A transformação dos negócios

Roberto Sirotsky, da agência de marketing digital 3yz, e Ana Luiza Ferrão Cardoso, diretora-geral da rede Gang, dois representantes da nova geração de empresários, serão os palestrantes da reunião-almoço Menu Porto Alegre de hoje na ACPA. O tema será a transformação dos negócios, com mediação do jornalista Mauro Schneider, editor do caderno GeraçãoE, do Jornal do Comércio.

Me castiga...

A mistura de etanol com a gasolina vai subir gradualmente para até 40%, um percentual que já prejudica a longo prazo os motores, especialmente os importados - que já sofriam com a adição de 20%, digam o que disserem os técnicos. Não existe álcool grátis. Mas há um bom motivo para a medida: ajuda humanitária. Mas não é para nós.

...que eu gosto

Ajuda humanitária para os usineiros, bem entendido. Estamos em plena safra da cana-de-açúcar, então tem que ajudar essa pobre gente. Então, o brasileiro marcha para atender os usineiros, que nunca conseguiram marchar com as próprias pernas, usando sempre as do governo - que, por sua vez, usa as nossas.

É do ramo

Eva Sopher e o jornalista e professor Antonio Hohlfeldt sempre foram unha e carne, e de longa data. Sempre estiveram afinados nas questões que envolviam o Theatro São Pedro (TSP). Hohlfeldt não é um outsider. Ficará bem na presidência da Fundação do TSP.

Homenagem à Receita

O evento Encontro do Bem, realizado dia 9, homenageou os 50 anos da Receita Federal do Brasil, que considera a Alap (Associação Latino-Americana de Publicidade), com sede em Porto Alegre, como modelo da captação dos incentivos fiscais para o terceiro setor do Rio Grande do Sul.

Por falar em Receita...

...ao responder didaticamente perguntas sobre a declaração do IR, o superintendente adjunto da Receita Federal em Porto Alegre, Ademir Gomes de Oliveira, esclareceu que quem cai na malha fina não é um sonegador. "Eu mesmo já caí nela", disse.

Brasileiro de Cervejas

O Concurso Brasileiro de Cervejas, que terminou no sábado, em Blumenau (SC), o maior evento cervejeiro da América Latina, e que premiou quase 3 mil marcas, deu Ouro para a Província Fruit Bier zero álcool com maçã como a melhor do segmento; as cervejas especiais Província Dunkel e Província Alcohol Free 0,0% levaram Bronze. A Província tem fábrica em Santa Maria e é do grupo gaúcho Sarandi.

Miúdas

  • NEM sempre jogos de azar servem para lavar dinheiro. Na realidade, é para ganhar muito dinheiro.
  • LAMENTÁVEL a agressão a repórter da Rádio Gaúcha por um torcedor no Grenal de domingo.
  • PEDESTRES porto-alegrenses são campeões em dar chance ao azar nas travessias de ruas.
  • MESMO com o sinal fechado para eles, em ruas de grande movimento, se arriscam à toa para ganhar segundos.
  • GOVERNO realmente dá chances aos novos. Nomearam um dente de leite de 19 anos (agora demitido) para o Ministério do Trabalho.

Finais

  • na Mesa, da Federasul, retorna amanhã tendo como convidado o governador José Ivo Sartori (PMDB).
  • SIMPÓSIO sobre saúde da mulher da Radimagem será de 6 a 8 de abril/Plaza São Rafael. O evento é realizado há 24 anos.
COMENTAR | CORRIGIR
Comentários
Seja o primeiro a comentar esta notícia