Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, quinta-feira, 25 de maio de 2017. Atualizado às 10h35.

Jornal do Comércio

Política

COMENTAR | CORRIGIR

Imprensa

Notícia da edição impressa de 25/05/2017. Alterada em 25/05 às 10h36min

Jornal do Comércio celebra 84 anos

Jornal do Comércio 84 anos, multiplataformas

Jornal do Comércio 84 anos, multiplataformas


JONATHAN HECKLER/JC
Referência no noticiário de economia no Rio Grande do Sul, o Jornal do Comércio completa 84 anos hoje. Além da cobertura diária dos principais setores produtivos, publica cadernos semanais em que aprofunda temas que envolvem atores econômicos e suas iniciativas (Empresas&Negócios), empreendedorismo (GeraçãoE), infraestrutura (Logística), direito (Jornal da Lei) e o mundo contábil (JC Contabilidade).
Um time de jornalistas qualificados e colunistas experientes garantem ao Jornal do Comércio o título de jornal de economia e negócios do Rio Grande do Sul. O JC - como é chamado carinhosamente - nunca deixou o foco que o norteia desde 1933.
Mas, pouco a pouco, foi expandindo suas editorias. Há algumas décadas, também dedica espaço a um sólido noticiário sobre política, bem como matérias sobre a cidade, vida social e esporte. Conta ainda com suplementos culturais (Panorama e Viver) e divulga toda a agenda das artes.
Para o diretor-presidente do JC, Mércio Tumelero, "a expansão dos assuntos tratados diariamente no jornal impresso e nas outras plataformas atende ao compromisso fundamental, seguido desde o início da história vitoriosa do JC, de fazer com que o leitor tenha a melhor informação para poder atuar da melhor maneira e contribuir para o desenvolvimento da sociedade gaúcha".
A linha de informação com credibilidade é respeitada em todas as editorias, que reúnem mais de 80 jornalistas. Além de notícias objetivas, busca produzir matérias completas e contextualizadas para o leitor.
O cuidado com o conteúdo vem ao lado da preocupação com a forma - o Jornal do Comércio vem se atualizando constantemente. A edição diária impressa pode ser lida também em smartphones, tablets e computadores. Aliás, o site é atualizado de forma constante nos sete dias da semana, complementando as informações do diário.
A informação multiplataforma do JC avança também nas redes sociais. E em outros formatos, como os vídeos - a produção foi intensificada desde 2016, com centenas de produções entre reportagens, chamadas para matérias, entrevistas e debates.
O aniversário do JC ocorre na mesma data do Dia da Indústria, tema de caderno especial encartado nesta edição e disponível para leitura na internet.

Marcos na história

  • 25 de maio de 1933 - Jenor Cardoso Jarros cria o Consultor do Comércio, informe sobre os produtos que chegavam e saíam pelo porto da Capital.
  • Início dos anos 1950 - Consultor do Comércio consolida periodicidade trissemanal (segundas, quartas e sextas-feiras).
  • 1 de outubro de 1956 - Veículo amplia cobertura econômica e passa a se chamar Jornal do Comércio.
  • 1 de setembro de 1960 - Jornal do Comércio se torna diário.
  • Início de 1968 - JC deixa o Centro de Porto Alegre e se instala na nova sede da avenida João Pessoa.
  • 25 de outubro de 1999 - Primeira edição colorida é impressa, com a estreia de novo projeto gráfico.
  • 14 julho de 2009 - Site do JC é reformulado e passa a ser atualizado de forma constante nos sete dias da semana.
  • 2015 - Através de aplicativos, JC pode ser lido em smartphones e tablets.
  • Outubro de 2016 - Jornal do Comércio inaugura estúdio e aumenta a publicação de vídeos na internet.
COMENTAR | CORRIGIR
Comentários
Seja o primeiro a comentar esta notícia